2ª Edição do Festival Enogastronômico chega em São Roque

Com a intenção de prestigiar os sabores e a gastronomia da cidade, o Festival selecionou sete restaurantes tradicionais da região, que criaram receitas inéditas com um ingrediente especial: o vinho.

Para avaliar as iguarias, os participantes recebem um PIT (Ponto de Informação Turística) para qualificar sua apresentação, cor, aroma, sabor e originalidade. O prato vencedor será nomeado até a próxima edição do evento como “Prato de São Roque”.

Listamos cinco motivos para você ir ao 2º Festival Enogastronômico de São Roque. Confira:

Fica próximo da capital
Em torno de 60km de distância da capital paulista, pouco mais de 1 hora de viagem, São Roque é um atrativo para os turistas. Além de sua excelente gastronomia, a cidade apresenta chamativos pontos turísticos como a trilha no Morro do Saboó, o Ski Mountain Park e a Igreja Matriz de São Roque.

Vinho é o ingrediente principal da cidade
Dá para falar de São Roque e esquecer do vinho? Como a principal tradição da cidade, e para fazer jus ao nome do Festival, os pratos terão o ingrediente vinho como parte da receita. Todos eles providos das principais vinícolas da região.

Restaurantes com excelência em infraestrutura
Apesar de não fazer parte da grande da São Paulo, ou da região metropolitana, os restaurantes participantes apresentam estrutura igual ou superior aos mais sofisticados estabelecimentos da capital. Todos eles com uma estrutura admirável e adequada, junto com as tradicionais peculiaridades e sabores da região.

Safra de Alcachofra
Outra tradição de São Roque é o cultivo de alcachofra, a cidade conta com excelentes plantações e o produto está presente em alguns pratos do Festival.

Preço justo
Todos os pratos apresentam receitas inéditas com os mais sofisticados ingredientes da culinária sanroquense, pelo preço único de R$ 60.

Serviço: 2º Festival Enogastronômico de São Roque
Horário: Almoço e jantar
Restaurantes participantes: Sabor Du Chef, Rancho Arizona, La Pasta, Alcachofra Bonsucesso, Cantina Tia Lina, Empório Bandeirantes e Fazenda Angolana.