AgroNotícias por Mauricio Picazo Galhardo

OVOS. No encerramento da semana passada o mercado de ovos brancos e vermelhos teve pouca modificação em relação aos dias anteriores e os preços novamente se mantiveram: a caixa de ovos brancos sendo negociada pelo mínimo de R$68,00 (caixas com 30 dúzias) ao máximo de R$70,00 e os ovos vermelhos pelo mínimo de R$73,00 até o máximo de R$78,00. Segundo a Jox Assessoria Agropecuária o mercado continua carregando excessos que precisam ser escoados e, com isso, realizando promoções para dar maior vazão ao produto.

VIAGEM. O ministro Blairo Maggi (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) embarcou no domingo (08) para Bruxelas, na Bélgica, onde terá reuniões com autoridades da União Europeia para tratar sobre questões relacionadas à proteína animal. O retorno foi previsto para sexta-feira (13). Na terça-feira (3), Maggi recebeu parlamentares, onze membros do Parlamento Europeu, acompanhados de equipe de especialistas para falar sobre os avanços na pecuária bovina brasileira.

MANGA. Com a finalização da safra da manga palmer em Monte Alto/Taquaritinga (SP) semana (02 a 06/04), aumentou a busca de atacadistas paulistas pela fruta em outras regiões produtoras. A diminuição do volume de frutas no mercado fez com que a demanda superasse a oferta, e com isso, a manga se valorizou em todo o País. A alta ocorreu tanto para a palmer quanto para a tommy; contudo, a que apresentou maior aumento foi a palmer de Livramento de Nossa Senhora (BA) – 41% frente à semana passada.

FRANGO. O frango – vivo ou abatido – passou pela Páscoa (antes momento de grande consumo, por isso, de revitalização das vendas) e pela primeira semana de abril (em geral, um bom momento de demanda do mês) sem qualquer alteração nos parâmetros básicos. Em outras palavras, não só permaneceu com operações fracas (pois as ofertas continuam superando a baixa demanda até agora registrada), como continuou com a cotação referencial de duas semanas atrás.

BATATA DOCE GIGANTE. Como podem crescer batatas-doce com tamanho gigante? Esta deve ter sido uma, entre tantas outras perguntas, que o consumidor fez. Vamos relembrar que um exemplar da raiz, de cerca de 8kg, que foi cultivada em Erechim, e outra, no município de Fagundes Varela, alcançando 11kg. A Embrapa Clima Temperado (Pelotas,RS) atua nesta linha de pesquisas com batata-doce.

MILHO. Mercado do milho com preços andando de lado, a ligeira queda em abril. A oferta interna aumentou, com o avanço da colheita da safra de verão. A Scot Consultoria estima que entre 65,0% e 70,0% do milho de primeira safra foi colhido até então. Na região de Campinas-SP, a saca de 60 quilos está cotada em R$39,00 para a entrega imediata, sem o frete. Houve queda de 0,3% em abril, em relação à média de março deste ano. No entanto, na comparação com abril do ano passado o cereal está custando 40,2% mais.

TRIGO. As importações totais de trigo pelo Brasil no período setembro/fevereiro para a temporada 2017/18 foram de 2.861.043,53 toneladas. O resultado representou uma baixa de 28,40% na comparação com as 3.996.084,33 toneladas importadas no mesmo período da temporada anterior, de 2016/17, aponta a T&F Consultoria Agroeconômica. “Isto é muito significativo, quando se pensa que a safra brasileira de trigo em 2016/17 foi de 37,5% superior à safra de 2017/18.

SOJA. O preço da soja na Bolsa de Cereais de Chicago registrou dia (06.04) uma alta de 2,50 centavos de Dólar no contrato de Maio/18, fechando em US$ 10,3375 por bushel. Os demais vencimentos em destaque da commodity na CBOT também fecharam a sessão com valorizações entre 1,25 e 2,75 pontos. O mercado norte-americano da soja fechou a sexta-feira com ligeiros ganhos nos principais contratos futuros, numa semana de alta volatilidade. A T&F Consultoria Agroeconômica aponta que o intervalo semanal foi de 76,6 centavos nas cotações de soja para Maio/18.

(Texto(s): Avisite, Mapa, HFBrasil, Embrapa, Scot Consultoria, Agrolink)
Veja o Agro Cartoon, www.agro-cartoons.blogspot.com.br
Boa semana e um forte abraço.