As soluções provisórias

O anúncio da retomada da cobrança da Zona Azul em São Roque nesta semana por meio dos antigos talões chega como um alívio aos comerciantes, que estavam começando a sentir os prejuízos pela falta de rotatividade nas vagas da região central. Por meio de uma parceria entre a ACIA, o Trânsito e a Guarda Mirim, provisoriamente, os talões “voltam à ativa” para garantir mais acesso ao centro até que uma nova empresa seja contratada para operar na cidade.

Outra medida provisória anunciada na semana foi no Departamento de Planejamento, que colocou o engenheiro Arthur Boccato no comando até que se defina o nome do novo diretor. Para muitos casos, ações provisórias, acabam por se “tornarem” definitivas, gerando o descontentamento de muitos, assim como no caso das mudanças administrativas na Educação que envolveram o vice-prefeito José Weber.

Desde o período eleitoral, quando substituiu Eliam Bianchi (PDT), o conhecido Chumbinho, na candidatura ao lado de Cláudio Góes, as pressões políticas “não têm sido nada fáceis”, como declarou em entrevista exclusiva ao O Democrata nesta semana. Após deixar a diretoria de Educação, agora, o que ele espera é “conseguir trabalhar sossegado”, com os programas que vai coordenar daqui pra frente.