CIDADE INTELIGENTE por Mauricio Picazo Galhardo

Então olhei para os céus e vi a Cidade…
– Quero saber apresenta:

“… foi comemorado no Domingo dia 17 de março o Dia Nacional do Mel, uma data significativa, tendo em vista a importância desse produto como um rico alimento de promoção de saúde, incentivado pela medicina natural. Segundo o engenheiro agrônomo Osmar Mosca Diz, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento, que atua na Divisão de Extensão Rural (Dextru), em Campinas, divulgar a produção de mel é um gesto educativo, principalmente com ações voltadas às crianças. “O Brasil é um grande produtor de mel, mas grande parte da sua produção é exportada. O consumo per capita de mel no País é muito baixo, em torno de 60 a 90g/pessoa/ano, enquanto que em outros países dos Continentes Europeu e Africano esse valor varia de 1,5kg a 3,5kg/habitante/ano. Por isso, é preciso difundir o mel como um rico alimento que não deve faltar nas escolas e na mesa das famílias brasileiras”. O agrônomo ressalta que uma maneira de aumentar o consumo e incentivar as crianças a consumi-lo, é fazer com que o mel chegue às escolas, por meio de políticas públicas que aproximem os criadores dos consumidores, como é o caso do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE)…”

* É bom comer/tomar mel?
* O mel faz bem para todos?
* Por que, o brasileiro consome pouco?

Mellitus em latim é de mel, doce, querido, amado. Em grego, é meli, que pode aparecer com o adjetivo agrios ‘silvestre’. O mel de manhã produz uma excelente energía, para se ter uma idéia, 100 gramas de mel tem 324 calorias de energía. Se você comer mel logo no café matutino, você vai ter energía o dia todo. Para se ter uma idéia mais ampla. Se você ficar no computador durante uma hora vai gastar 120 calorias, se ficar lendo vai gastar 80 cal, se ficar sentado vai gastar 70 calorias. Portanto se você trabalhar sentado, usar o computador e a leitura você vai gastar 270 calorias em uma hora de trabalho, em 8 horas de trabalho você gasta 2.160 calorias. Uma colher de sopa de mel tem 18 gramas, se você tomar todo dia de manhã, você encontra energia física, e mental; para quase, o dia inteiro.
O Brasil está na posição de 11° do maior país na produção mundial de mel e, o 5° maior exportador. O estado do Rio Grande do Sul é o maior produtor, com 18,7% do total com 7.098 toneladas, os dados são de 2010. Estruturar a alimentação do povo não é tão difícil como se imagina, como você pode aumentar o consumo interno de vergonhoso 90 gramas por pessoa ano para um kilo? por exemplo. Eu não vejo quase nenhuma propaganda dizendo para comer mel ou, divulgando o consumo do mel. A doçura do mel passa para a pessoa, quando você come algo amargo, você se ‘sente’ amargo também. Quando comemos algo doce, isso passa para a pessoa. O amargo passa, o doce também passa, é simples. A inércia passa, então a energía também passa.
Por hoje é só pessoal. Até a próxima com a palavra Cidade Inteligente!