A afetividade no planejamento da musicalização infantil

Para cada momento importante da nossa vida vinculamos uma música a esta lembrança. E não é apenas na adolescência ou na fase adulta que isso se manifesta. A música é uma arte completa, que desde a infância tem efeito sobre nós. Por isso, a musicalização na educação infantil é um recurso pedagógico admirável. “A musicalização infantil é uma aula que apresenta às crianças a música com atividades lúdicas: brincadeiras e jogos musicais, histórias cantadas, danças lúdicas, expressão corporal, entre outros”, explica a professora de musicalização no Colégio CB COC São Roque, Ludimar Momma.

Segundo a professora o plano de aula é desenvolvido de acordo com cada faixa etária, respeitando e estimulando o desenvolvimento intelectual, auditivo e sensorial de cada fase. Para as turmas do maternal 1 a fase é de estimulação, maternal 2 fase da repetição, 1º estágio já está no “faz de conta” e 2º estágio a vivência é de movimento. Entre outras atividades busca-se o desenvolvimento da consciência corporal e estimulação da exploração dos movimentos e da locomoção espacial para os alunos do maternal 1. Já para as crianças do maternal 2 a meta é tornar a criança receptiva e sensível à música explorando o seu ritmo livre e individual. Explorar os sentidos, através da contação de histórias e imitações de bichos, iniciando a criança à cultura popular já fazem parte da didática das turmas do 1º estágio. Para a última fase da educação infantil, 2º estágio, o momento é de iniciar as crianças no mundo sonoro com noções de percepção rítmica, melódica e harmônica. Além de despertar o trabalho em equipe desenvolvendo a socialização, desembaraço, autoconfiança, integração social, auto estima e criatividade.

As aulas de musicalização começam com o acolhimento das crianças que são recebidas com uma música estimulante para manter a atenção, em seguida o posicionamento de acordo com a proposta da aula, passando pelo alongamento, aquecimento vocal, prática musical e para finalizar relaxamento. A música de saída indica o término da aula e o retorno da atividade na próxima semana. Sempre buscando técnicas inovadoras para as aulas a professora Ludimar recentemente implantou para as turmas do 2º estágio a Stretchy Band ou Banda elástica. Uma corda elástica bem reforçada que possibilita puxar e esticar. É um recurso lúdico que possibilita integrar as crianças em uma atividade divertida trabalhando música, movimento e a psicomotricidade.

Como podemos observar a musicalização não se propõe a ensinar o manuseio de instrumentos musicais e sim criar um vínculo entre a música e a criança, contribuindo para vários aspectos do desenvolvimento como: socialização, inteligência, capacidade inventiva, expressividade, coordenação motora e tato fino, percepção sonora e espacial, raciocínio lógico e estética.

No Colégio CB COC São Roque as aulas de musicalização são ministradas semanalmente para todas as turmas. O contato com a música segue durante o ensino fundamental 1 com outra proposta pedagógica mas mantendo o intuito de levar para as crianças o conhecimento de uma forma leve e encantadora.