O ESPETÁCULO DA FÉ


Toda crença que tem o objetivo de ligar as pessoas com a espiritualidade é considerada religião. Uma das características das religiões é satisfazer as pessoas de modo a estabelecer a elas uma perspectiva diferente sobre o mundo, modificar seu interior e agregar princípios a seus valores morais.

Não é correto dizer que existe religião certa ou errada, o que podemos afirmar é que existem necessidades diferentes. Isto é, as pessoas buscam aquilo que melhor se adéqua com o que elas procuram. Nossas necessidades são construídas de acordo com o meio onde vivemos, ou seja, a cultura influencia em quem seremos e, consequentemente, na religião que escolheremos.

Toda religião tem sua história, cultura, narrativa, símbolos e muitos outros elementos que são responsáveis por formá-las. Não existe nada que não tenha cultura, nada mesmo. Mas independente do que você acredita um objeto cultural emociona a todos: a fé. Dizem que a fé move montanhas. Podem ser montanhas emocionais, crenças, ou até desafios do dia a dia.

Durante o aniversário de nossa cidade pudemos ver mais uma vez um exemplo deste espetáculo. Pessoas foram para o mesmo lugar, na mesma hora e movidos pela fé. Consegui ver lágrimas nos olhos das pessoas que acompanharam este momento. Por este ano acabou. Mas o espetáculo da fé dura o ano todo formando um ciclo que nunca termina e recomeça todo o mês de agosto. Viva!