OBJETIVO

Esse merece repeteco – Oli-Ola™ – O maravilhoso peeling em cápsulas

| 20 de julho de 2013

Na história da humanidade, nós, mulheres vaidosas que desejamos ter uma pele jovem e sedosa, por mais de 2000 anos sofremos com doloridos peelings físicos e químicos, no intuito de eliminarmos as imperfeições que o tempo impõe aos nossos rostos.
Tudo isso se iniciou com Cleópatra que recorria às técnicas de descamação da pele, lixando o rosto com alabastros e pedra-pomes para realizar um peeling, imaginem a dor!!!
Esse procedimento estético evoluiu muito ao longo dos séculos, porém o desconforto do pós-peeling continua a nos assombrar, ou melhor, continuava, uma vez que os maravilhosos pesquisadores do laboratório Nexira, dos Estados Unidos encontraram uma milagrosa alternativa para as agressões físicas e químicas dos peelings atuais, o peeling em cápsulas OLI-OLA™.
Segundo o cosmetologista e Presidente da Sociedade Brasileira de Cosmetologia (SBC), Maurício Pupo, o peeling em cápsulas, em pouco tempo, vai virar febre no Brasil devido à praticidade, eficácia e segurança da matéria-prima. “Elas são compostas, basicamente, por um ativo derivado do extrato da azeitona (oliva), um potente antioxidante natural. Esse novo ativo não é derivado do óleo, mas sim do fruto da oliveira. Essa substância inovadora é riquíssima no mais potente antioxidante da oliva, o hidroxitirosol. Assim, o peeling em cápsulas é manipulado com esse novo ativo, chamado de Oli-Ola™”, explica.
E os benefícios não param por aí. De acordo com a farmacêutica especialista em nutracêuticos e nutricosméticos, Karina Ruiz, o hidroxitirosol é um ‘superantioxidante’ que diminui o processo de envelhecimento causado pelo excesso de radicais livres, além disso reduz as células anormais ou disfuncionais ao mesmo tempo que aumenta a proliferação das células saudáveis da pele, normalizando a descamação do rosto.
Os poderes do ativo presente no peeling em cápsulas foram comprovados em uma pesquisa realizada na Universidade de Iowa, EUA, que mostrou, inclusive, que o hidroxitirosol é superior quando comparados às vitaminas C e E.
O ativo evita possíveis alterações funcionais na elastina e no colágeno que ocorrem devido ao estresse oxidativo. “É importante observar também que outros estudos comprovaram que o uso de antioxidantes orais podem diminuir os efeitos da radiação ultravioleta sobre a pele, prevenindo a hiperpigmentação cutânea, evitando manchas”, comenta a especialista.
Depois de tudo isso, fico imaginando o que mais teria conquistado Cleópatra se naquela época já existisse o Oli-Ola™.
Venha para a Exímia Manipulação de Cosméticos e Medicamentos e tire todas as suas dúvidas com nossas atendentes, teremos o prazer em receber você.

Érica C. R. Baggio Martinho
Farmacêutica responsável da Exímia Manipulação de Cosméticos e Medicamentos.
Mestre em Farmácia pela UFPR.
Dúvidas e sugestões de matérias podem ser encaminhadas para: eximia@eximiafarma.com.br

CATEGORIA: Saúde