Parem as máquinas: Morre o jornalista Roberto Avallone, aos 72 anos

Morreu nesta segunda-feira, 25 de fevereiro, em São Paulo, o jornalista Roberto Avallone. Ele se sentiu mal durante a madrugada, foi levado a um hospital, mas não resistiu a uma parada cardio-respiratória. Avallone tinha 72 anos.

O jornalista participou com frequência de programas do SporTV como comentarista recentemente. Ele também mantinha um blog no portal UOL.

Em seu último post, publicado nesta madrugada, Avallone defende que os clubes invistam em treinadores específicos para centroavantes – como já existem os de goleiros – dada a escassez de bons nomes da posição no Brasil.

Avallone começou a carreira como na década de 1960, quando trabalhou no Jornal da Tarde. Por anos, comandou o programa de debates Mesa Redonda, na TV Gazeta.

Ele também passou por Rede TV! e Bandeirantes. Em rádio, trabalhou nas principais emissoras de São Paulo, como Jovem Pan, Globo e Bandeirantes.