Homem é detido suspeito de agredir mulher grávida


Um auxiliar de produção de 23 anos foi detido na tarde desta segunda-feira (7) suspeito de agredir e ameaçar de morte a esposa, de 19 anos, que está grávida. A ocorrência foi na Vila Nova, em Araçariguama.

De acordo com informações do boletim de ocorrência, uma equipe da Guarda Civil Municipal que estava em patrulhamento pelo bairro foi chamada por testemunhas que viram o suspeito agredir a jovem na rua.

No local, os guardas encontraram o rapaz correndo atrás da vítima. Na abordagem, a GCM precisou usar algemas porque o homem, que estava com uma lata de cerveja em uma das mãos e apresentava sinais de embriaguez, estava agressivo.

Aos guardas, a jovem contou que saiu de casa para comprar remédio porque estava passando mal e que tem uma gravidez de risco. Quando chegou na farmácia, encontrou com o marido, que começou a empurrá-la e agredi-la.

A jovem ainda contou que o marido sempre foi agressivo, que já chegou a registrar boletim de ocorrência de ameaça e lesão corporal contra ele e que já tinha saído de casa e foi morar em Sorocaba, mas que decidiu voltar com o marido há três meses.

De acordo com a Guarda, por conta disso, a mulher manifestou o não desejo de representar a queixa contra o homem pelo crime de ameaça e agressão, tampouco pediu as medidas protetivas de urgência.

O suspeito foi levado à delegacia, onde um boletim de ocorrência por violência doméstica foi registrado. Como a esposa optou por não representar a queixa, ele foi liberado após ser ouvido pelo delegado.

Já a jovem foi encaminhada ao pronto-socorro da cidade, onde precisou ficar internada em observação por causa da gravidez.

Fonte: G1