Renascer, recomeçar e repensar!

Na Semana Santa que começa neste domingo, os cristãos católicos celebram a ressurreição de Jesus Cristo. É nessa época que muitos corações e muitas expectativas se renovam, buscando sempre o bem. Existem também os que se lambuzam de chocolate e aparentam ter esquecido do verdadeiro sentido pascal. É como se a data comemorativa tivesse um cunho puramente comercial. E, para alguns, de fato tem!

Pois bem, a vida também é assim. Alguns se lambuzam e parecem se esquecer do restante… ou do futuro! Se esquecem também dos olhares que estão sempre atentos ao nosso redor. Mas para que a memória seja reativada, bastam atitudes de interrogação, de pressão. Aí, as lembranças vêm à tona. E os vestígios do chocolate devorado com sede ao pote começam a aparecer.
Nestes meses que iniciaram 2019, as notícias não foram das mais felizes. Por exemplo, a tragédia em Brumadinho, o incêndio que vitimou os garotos e funcionários do Flamengo, os alagamentos e mortes no Rio e em São Paulo. Estas foram apenas fagulhas em tanta tragédia quem assolando a sociedade.

Na última sexta-feira, dia 5, um crime bárbaro chocou, entristeceu e tirou um pouco de esperanças desta sociedade que há tempos vem declinando. Uma inocente criança de cinco anos que foi brutalmente assassinado e torturado pela própria irmã. O crime ganhou repercussão internacional sendo divulgado pelos principais jornais dos Estados Unidos.

Já nesta semana, vimos a batalha dos professores da rede municipal de Alumínio, que são fundamentais para educação e evolução desta sociedade precária. Eles tiveram seus salários e planos de carreira reduzidos por um “simples” ato administrativo do prefeito.

Mas como estamos em tempo de renascer, recomeçar e repensar, é também tempo de união entre as famílias, é a cultura vivenciada tanto em casa quanto na escola desde a infância. São recordações realmente doces que ficarão na memória.

Independente da faixa etária é tempo de reflexão, de se sacrificar pelo bem de si e do próximo, de agradecer, de valorizar as pessoas, a vida. É momento de limpar o coração de sentimentos ruins, repondo com boas energias, com esperança. São práticas desse tempo de conversão para ser vivenciadas todos os dias, a fim de sentir realmente que a Páscoa da ressurreição está em cada um de nós.