Programa Corujão da Saúde será implantado pelo Estado de São Paulo

O programa Corujão da Saúde, parte das promessas de campanha de João Doria (PSDB) tanto à prefeitura quanto ao governo, será implantado no estado.

O programa prevê uso tanto da rede pública quanto de hospitais privados para realizar exames de saúde.

A primeira fase do Corujão no estado será iniciada no dia 25 de fevereiro e vai atender a Grande São Paulo, com 50.627 exames, Taubaté, no Vale do Paraíba, 31.478, e Campinas, com 73.138 procedimentos.

A intenção do programa segundo anunciado na última sexta-feira é zerar em 60 dias a fila de espera por ultrassom, mamografia e endoscopia. O tamanho da fila não foi informado.

Quando implantado na cidade de São Paulo, em 2017, o programa atendeu 485,3 mil pessoas até abril daquele ano, ante uma fila “velha” de 487 mil pessoas.