“Abertura consciente do comércio” tem aglomerações e prefeito alerta: positivação dos casos interfere no processo de reabertura

Nesta terça-feira (2) o prefeito de São Roque, Cláudio Góes, se manifestou em live pelas redes sociais sobre o primeiro dia da chamada “reabertura consciente do comércio”. Segundo ele as equipes de fiscalização constataram o problema das aglomerações, principalmente nos bancos.

Devido a isso ficou definido que os bancos funcionarão das 10h às 14h e o comércio poderá funcionar das 12h às 16h; e o comércio essencial poderá funcionar em seu horário já definido. “Lembrando que os estabelecimentos devem ter no máximo, 20% de aglomeração”, reforçou.

Nas redes sociais, munícipes também registraram filas e aglomerações nas portas de diversas lojas da cidade.

São Roque vinha seguindo os últimos dias sem nenhum registro positivo para o coronavírus, mas o boletim diário desta terça mostrou o surgimento de dois novos casos (mulheres de 48 e 53 anos), além de 1 óbito suspeito de uma mulher de 63 anos. No total, a cidade possui 12 pacientes internados (10 casos positivos e 2 aguardam resultados), sendo 7 em enfermaria e 5 em UTI; 49 pacientes recuperados, 254 casos negativos e 4 óbitos confirmados.

O prefeito reforçou que a positivação dos casos é um critério que interfere no processo de reabertura dos municípios, portanto é muito importante que todos respeitem as regras de distanciamento, higiene e saiam somente se necessário. Repassou, na ocasião, os critérios de abertura previstos no Decreto Municipal e no Plano São Paulo. “A prefeitura e a ACIA lançaram um material para colocar no chão do comércio, que sinaliza o local exato onde as pessoas devem aguardar, mantendo o distanciamento”, reforçou. 

Abertura de igrejas

Na live ele falou ainda sobre a reabertura das igrejas. Nesta sexta (5), o prefeito se reunirá com lideranças religiosas para definir o funcionamento dos cultos, de forma que não prejudique ou exponha os moradores que são do grupo de risco.

Kit Merenda

O prefeito falou novamente sobre o atraso na entrega do Kit Merenda. Segundo anunciado pelo chefe de gabinete, Marcelo Marques, no fim de semana, uma licitação seria feita nesta semana para aquisição dos itens e o prefeito reforçou que “Se Deus quiser, semana que vem teremos a entrega do Kit Merenda”.