Alimentos frescos na Primavera

A primavera nos blinda com mais uma oportunidade para percebermos os ciclos da natureza, pois além da beleza das flores, nos lembra da época de frutas e hortaliças que só ocorrem nestes meses. Com nutrientes variados, principalmente os ricos em vitaminas, antioxidantes e minerais.  Já que o tempo vai ficando mais quente, o ideal é priorizar alimentos frescos, da safra e inserir saladas mistas, sucos, vitaminas, que podem até mesmo valer por uma refeição contemplando vários grupos alimentares.

Como nessa estação o tempo é mais seco e quente, é indicado o consumo de alimentos de fácil digestão, para compensar o gasto de energia do nosso organismo. Para manter a alimentação mais leve, a escolha por alimentos cozidos a vapor, grelhados e assados juntamente com uma hidratação caprichada também é essencial, que fica mais fácil com as várias opções de frutas e legumes dessa estação. A partir de setembro temos as  seguintes opções de alimentos:

Frutas: Abacaxi pérola, acerola, amora, banana-nanica e prata, caju, jabuticaba, kiwi, laranja lima, pera, maçã fugi e gala, mamão formosa, mamão, manga, maracujá, melão, mexerica, morango, nêspera, pêssego e tangerina.

Legumes: Abóbora, abóbora japonesa, abobrinha brasileira, alcachofra, batata-doce, beterraba, cará, ervilha torta e comum, fava, inhame e pimentão amarelo.

Verduras: Almeirão, alcachofras, aspargos, brócolis, chicória, couve, couve-flor, endívias, erva-doce, escarola, espinafre, mostarda, nabo e rabanete.

Flores comestíveis: Amorperfeito, calêndulas e capuchinhas, flores de abobrinhas e tumbergias.

Por estar na época, o consumo de frutas da estação tende a ser ofertada com preços mais baixos, e com menor impacto ambiental devido à natureza já produzir naturalmente a fruta. A amora que se originou da Ásia, e cresce muito bem em solo brasileiro, esta em plena estação. Os frutos da amoreira têm boas quantidades de vitaminas A, C e do complexo B, além de um mineral chamado silício, importante no estímulo das proteínas de sustentação. Possui também potássio e, tem sido cada vez mais consumida por praticantes de atividades físicas. Além de ser fonte de pectina e ter efeito laxativo, as amoras são utilizadas na culinária para o preparo de geléias, sorvetes, bolos, xarope e compotas, entre outros preparados culinários.

A acerola se destaca por sua grande quantidade de vitamina C, muito divulgada na mídia, responsável por melhorar a imunidade do organismo. Também possui betacaroteno, que é convertido em vitamina A ao ser ingerida e participa como antioxidante do sistema imunológico.

A banana é abundante em fibras alimentares e pode ser consumida em todas as idades. Ajuda a manter as defesas imunológicas por conter as vitaminas C e as do Complexo B, além de minerais, como manganês, cobre, zinco e selênio. Como tem muito potássio, é recomendada para pessoas que praticam esportes.

Comer alimentos da estação é um dos caminhos para buscar uma alimentação mais saudável e de maneira mais sustentável. Isso acontece porque quando comemos os que estão sendo colhidos nesse momento temos frutas, legumes e verduras mais frescas, com menos tempo de armazenamento, menos processos de conservação e com melhor custo também. E quando você consome produtos cultivados localmente, auxilia o pequeno agricultor e fomenta a economia local.

Silvia Hermida – Bióloga e Produtora Rural

Fonte: https://www.ufjf.br/revistaa3/files/2016/05/a309_web.6.pdf

Toda quinta-feira os cidadãos de São Roque têm a oportunidade de interagir e adquirir produtos produzidos localmente com manejo agroecológico na Feira Agroecológica de São Roque, que ocorre na Av. 3 de Maio, 900 das 8h até as 12h. @feiraagroecosaoroque