Câmara diz “sim” à compra do prédio do ex-Colégio São José | O Democrata

1973 – Prefeitura e Câmara de São Roque mudança para Rua Padre Marçal no Colégio São José

O Jornal O Democrata de 3 de novembro de 1973 informava que a Câmara Municipal de São Roque “depois de uma agitada sessão, com vereadores sucedendo-se na tribuna, uns combatendo e outros defendendo o projeto do Executivo (prefeito Jarbas de Moraes 1973/76), tendo havido até mesmo ameaça de renuncia da liderança da bancada da Arena,” finalmente foi autorizada a compra por parte da Prefeitura do prédio pertencente ao condomínio “Raposo Tavares”, ex-Colégio São José, “onde deverão ser instalados os serviços administrativos da Prefeitura e da Câmara Municipal”.

A Prefeitura e a Câmara funcionavam em um casarão na Praça da Matriz ao lado da Casa do Barão de Piratininga no início da rua XV de Novembro.

O destino das construções centenárias, que não estavam em bom estado de conservação, era questionado na reportagem de O Democrata. Foto 1

“Desocupando-se o velho casarão da Praça que já não tem as mínimas condições de atendimento das necessidades da máquina administrativa municipal.”

“Com a transferência da Prefeitura e da Câmara para as novas instalações qual o destino a ser dado ao velho casarão?”

“Continuará desfazendo-se em ruínas? Será restaurado, permanecendo um monumento histórico? Ou será demolido para permitir a ampliação da Praça que já se tornou pequena para atender as exigências de uma população que explode em crescimento?

“É o que saberemos após auscultar a opinião dos dirigentes do município e também a opinião pública.”

As duas construções históricas foram demolidas algo até hoje questionado abrindo espaço para a segunda pista da Avenida João Pessoa e a construção da nova sede das Casas Pernambucanas, inaugurada em 2 de agosto de 1982. O primeiro endereço das Pernambucanas foi no térreo do Prédio Costa na Avenida Tiradentes esquina com a Rui Barbosa.

Quando a reportagem cita o ex-Colégio São José refere-se ao internato Instituto Educativo São José fundado em 1934 e não a escola particular que funcionou até alguns anos atrás com acesso pela Avenida João Pessoa e nos últimos anos abrigou o Colégio Anglo.

O Instituto Educativo São José foi fundado em 29 de janeiro de 1929 em uma casa na Avenida Tiradentes pelas irmãs Maria de Gonzaga (superiora), Marta de Betânia, Lutgarde do Sagrado Coração e Maria Albertina. Após passar por outras casas e pela Igreja de São Benedito a Câmara Municipal doou o terreno da Avenida João Pessoa que alguns anos depois seria comprado pelo próprio poder público.

O projeto aprovado em 1973 autorizou a Prefeitura de São Roque a desapropriar ou adquirir mediante acordo parte do imóvel situado na Avenida João Pessoa 105 fazendo esquina com as ruas Padre Marçal e Sotero de Souza com os números 30 e 96, respectivamente. Rua Padre Marçal, nº 30 passou a ser o novo endereço da Prefeitura e da Câmara de São Roque.

O pagamento parcelado estendia-se até 1977 já no primeiro ano do próximo governo.

O imóvel pertencia à Associação União Beneficente das Irmãs de São Vicente de Gysegem e a parte do imóvel citada no projeto estava comprometida à venda ao Condomínio Raposo Tavares Ltda e trata-se de uma edificação com quatro pavimentos de aproximadamente 1.418 metros quadrados fazendo divisa com a Mitra Arquidiocesana de São Paulo.

PRESTAÇÃO DE CONTAS DE JARBAS DE MORAES

Em 5 de fevereiro de 1977, O Democrata trazia um encarte com a Prestação de Contas do Governo Jarbas Duarte 1973/76 onde destacava o “Prédio da Prefeitura”. Foto 2

Jarbas cita que o encontrou o prédio da Prefeitura em péssimas condições.

“Tratamos então de encontrar outro prédio para instalar os serviços. Já que não se podia construir um novo prédio, primeiro, pela falta de verbas e segundo porque a construção exigia longo prazo e a solução exigia urgência sob pena de colocar em risco a vida dos funcionários da Prefeitura.”

Registra o entendimento com a Associação Cultural de São Roque e que foi criticado “por pessoas que pararam no tempo” e que agora “todos reconhecem ter sido um dos melhores investimentos aplicados em São Roque nos últimos anos”. Foto 3

ENDEREÇOS ATUAIS

A Prefeitura de São Roque mudou para a Rua São Paulo, 966 em 1994. Em 30 de novembro de 1993, o prefeito José Antonio Sanches Dias declarou de utilidade pública, para a desapropriação de forma amigável, o imóvel (73.974,05 metros quadrados) da antiga indústria Peterco, então pertencente à Philips do Brasil Ltda.

Em 13 de março de 2010, a Câmara de São Roque inaugurou sede própria também na rua São Paulo, 355. O legislativo funcionou em vários endereços desde quando São Roque foi elevada à Vila em 10 de julho de 1932 e passou a contar com vereadores. A primeira Câmara foi instalada em 16 de junho de 1833 e as sessões eram salão paroquial da Igreja da Matriz.

Vanderlei Luiz

Jornal O Democrata São Roque

Fundado em 1º de Maio de 1917

odemocrata@odemocrata.com.br
11 4712-2034
Rua Marechal Deodoro da Fonseca, 04
Centro - São Roque - SP
CEP 18130-070
Copyright 2021 - O Democrata - Todos os direitos reservados