Cidades da região estão entre as com menor taxa de desemprego na Grande SP

Uma pesquisa realizada pela Fundação Seade indicou que a sub-região Oeste registrou a menor taxa de desemprego da Grande São Paulo em 2018, com apenas 15% de desempregados. O motivo são as empresas de tecnologia que se instalaram no local.

Composta pelas cidades de Cotia, Barueri, Osasco, Itapevi, Jandira, Santana de Parnaíba e Carapicuíba, a região sub-oeste abriga cerca de 25% das empresas de tecnologia do país, de acordo com uma pesquisa feita pelo consórcio de prefeituras da região.
Em 2018, de acordo com a Fundação Seade, a região metropolitana de São Paulo registrou uma taxa de desemprego 16,6%. No município de São Paulo o índice é de 15,8%. Na sub-região Sudeste (ABC) a taxa foi de 17,3%, índice bem próximo da sub-região Sudoeste que registrou 17,4%. Nas sub-regiões Norte e Leste os números já foram mais altos, 20,9% e 19,2%, respectivamente.