Exame preliminar descarta suspeita de morador de São Roque com coronavírus

Na manhã desta quinta-feira, 27, fontes ligadas à área da saúde e médicos que atenderam a suspeita de um morador de São Roque que estaria com coronavírus, informaram que a possibilidade foi descartada num primeiro exame e que o paciente já pode retornar à cidade, onde deve permanecer em quarentena dentro de casa.

O ministro da saúde, Luiz Henrique Mendetta, disse em entrevista coletiva que o exame realizado no Hospital Albert Einstein é rigorosamente igual ao exame realizado no Instituto Adolfo Lutz, utilizado pra descartar oficialmente os casos.

Segundo a prefeitura, familiares ainda asseguraram que o paciente não voltou para o Brasil no mesmo vôo do paciente com caso confirmado em São Paulo. Além disso, o paciente foi submetido a mais um exame em instituto particular que também deu negativo.

A diretora do Dep. de Saúde, Daniela Groke e a chefe da Vigilância Epidemiológica, Luzia Mirim, se pronunciarão nesta tarde, trazendo informações atualizadas sobre o caso.

Atualização:

A Vigilância Epidemiológica do Departamento de Saúde da Prefeitura Municipal de São Roque emitiu novo boletim há pouco informando que o paciente com suspeita de Coronavírus recebeu alta médica no final da noite de ontem (26), passa bem e permanecerá em isolamento social (quarentena na sua residência) até que saia o resultado do exame. A família e pessoas que tiveram contato com ele também permanecem em quarentena, a qual estão desde o retorno ao Brasil.

O resultado do exame enviado para o Instituto Adolfo Lutz, laboratório de referência nacional para análise de amostras casos suspeitos do COVID19, ainda não foi liberado.