Volta às aulas presenciais: Conheça 3 tecnologias “anticovid” essenciais para manter a segurança das instituições de ensino

Medição de temperatura em grupo, identificação do uso de máscaras e lotação máxima de alunos são alguns dos recursos dos dispositivos  

Imagem: divulgação

A volta às aulas presenciais ainda é alvo de debate entre os brasileiros. Desde o início do mês de fevereiro, diversos estudantes retornaram às salas para o começo do ano letivo. No entanto, há uma dúvida que ainda impera entre pais, alunos e até funcionários das escolas. Será que apenas o uso de máscara, álcool em gel e distanciamento entre os alunos são capazes de controlar a propagação do coronavírus?

Para o tecnólogo, Rubens Branchini, Diretor Comercial da Dealer Shop, Distribuidora de Soluções em Projetos e Produtos de Segurança Eletrônica, a tecnologia aliada à inteligência artificial (IA) é mais uma opção que garante a segurança de todos no combate à covid-19.  Existem aparelhos que monitoram o fluxo de pessoas e verificam o uso de máscara, câmeras térmicas que fornecem leituras de temperatura corporal enviadas em tempo real ao sistema de monitoramento das escolas.

Abaixo, especialista lista os benefícios das três principais tecnologias “anticovid” indicadas às instituições de ensino:

Câmeras térmicas:

Facilitam a medição de temperatura das pessoas em lugares de grande movimento, por serem fixadas na entrada das escolas e evitarem aglomeração (diferente daqueles aparelhos manuais, que tornam inviável a aferição de aluno por aluno). As câmeras conseguem medir a temperatura de até 15 alunos ao mesmo tempo e se alguém estiver com a temperatura de 37,8 graus ou mais, disparam um alerta. Branchini ressalta que se as câmeras alertarem para alta temperatura, fica a critério da instituição definir quem pode ou não entrar.

Divulgação: Dealer Shop

Direct Flow – Dispositivo que controla a entrada e acusa lotação máxima de pessoas: 

Colocado geralmente na porta das escolas, o sistema direct flow (fluxo direto) é um painel que avisa quantas pessoas ainda cabem num determinado ambiente da instituição, autorizando apenas o limite programado. Depois disso, avisa aos alunos que eles vão precisar esperar mais um pouquinho para entrar. O dono do estabelecimento pode receber informações online sobre a lotação do local.

Divulgação: Dealer Shop

Câmeras de reconhecimento facial e identificação do uso de máscaras: 

As câmeras que fazem o controle de acesso facial liberam as catracas sem que os alunos precisem tocá-la. O dispositivo ainda mede a temperatura,  checa se estão sem febre e ainda acusa o uso ou não de máscara. De acordo com Branchini, as câmeras também são ideais para condomínios residenciais, centros empresariais ou clubes. “Você faz o pré- cadastro dos que frequentam o local e eles nem precisam avisar o porteiro”, afirma o especialista.

Divulgação: Dealer Shop

Dealer Shop 

A Dealer Shop Distribuidora é uma empresa jovem, moderna e entrega a melhor Solução quando o assunto é desenvolvimento de projetos. Situada na Zona Norte de São Paulo, possui a melhor infraestrutura interna para atender em diversas frentes de mercado como Segurança Eletrônica, Comunicações, Câmeras térmicas, Controle de Acesso, Infraestrutura, Redes, Soluções de Softwares e Equipamentos de Incêndio em parceria com os principais fabricantes do território nacional e internacional. Tem como objetivo oferecer a melhor solução integrada nas áreas em que atua, dando suporte e atendimento de alta qualidade.