Charles do Bronx mantém cinturão, mas Amanda Nunes perde para venezuelana no UFC | Esporte

Na principal luta do UFC 269, na madrugada deste sábado para domingo (12), em Las Vegas (EUA), Charles do Bronx encaixou um mata-leão para finalizar o americano, Dustin Poirier, a 1m02s, do terceiro round e manter o cinturão dos Pesos Leves no Brasil. Ele sofreu no primeiro round, recebeu golpes duros, mas mudou a estratégia no segundo assalto e, no terceiro, conseguiu subir nas costas do adversário e finalizá-lo em pé.

Já Amanda Nunes não é mais a campeã do peso-galo (até 61kg) feminino. Após 12 vitórias consecutivas, a Leoa foi derrotada por Julianna Peña, finalizada aos 3m26s do segundo round com um mata-leão. A venezuelana resistiu a uma franca trocação de golpes entre as lutadoras, que é a principal arma da brasileira.

Outros resultados do evento:

UFC 269

CARD PRINCIPAL:

Geoff Neal venceu Santiago Ponzinibbio por decisão dividida (28-29, 30-27 e 29-28)
Kai Kara-France venceu Cody Garbrandt por nocaute técnico aos 3m21s do R1
Sean O’Malley venceu Raulian Paiva por nocaute técnico aos 4m42s do R1


CARD PRELIMINAR:

Josh Emmett venceu Dan Ige por decisão unânime (29-28, 29-28 e 30-27)
Dominick Cruz venceu Pedro Munhoz por decisão unânime (triplo 29-28)
Tai Tuivasa venceu Augusto Sakai por nocaute aos 26s do R2
Bruno Blindado venceu Jordan Wright por nocaute técnico a 1m28s do R1
André Sergipano venceu Eryk Anders por finalização aos 3m13s do R1
Erin Blanchfield venceu Miranda Maverick por decisão unânime

Jornal O Democrata São Roque

Fundado em 1º de Maio de 1917

odemocrata@odemocrata.com.br
11 4712-2034
Rua Marechal Deodoro da Fonseca, 04
Centro - São Roque - SP
CEP 18130-070
Copyright 2021 - O Democrata - Todos os direitos reservados