Com recentes contratações, NBA reencontra equilíbrio

O Golden State Warriors se acostumou a ser o franco favorito a conquistar o título da NBA nas últimas temporadas. Afinal, a franquia californiana alcançou nada menos do que as últimas cinco finais da prestigiada liga norte-americana de basquete. Mas, depois do revés sofrido diante do Toronto Raptors, o domínio de Stephen Curry e companhia começa a ruir. Pela primeira vez em pelo menos cinco anos, a NBA começará a temporada com um sem-número de times com chances reais de levantarem o troféu Larry O’Brien em meados de junho.

O castelo californiano começou a ruir justamente no primeiro dia da free agency, o período em que os times podem negociar com jogadores sem contratos. Em uma só tacada, o Brooklyn Nets, franquia que passava longe de incomodar os líderes da conferência leste, adquiriu o ala Kevin Durant, um dos pilares das últimas duas conquistas do Golden State Warriors, o armador Kyrie Irving, e o pivô DeAndre Jordan, formando um dos quintetos titulares mais fortes de toda a NBA.

Durante a pré-temporada, o Nets terá um confronto diante do Franca Basquete (SP), atual vice-campeão do NBB. O time, porém, dificilmente contará com Kevin Durant. O jogador sofreu uma ruptura do tendão calcâneo da perna direita durante a disputa das últimas Finais da NBA, passou por cirurgia e só deve retornar depois de cerca de um ano de recuperação.