Responsável por trazer UFC para o Brasil muda os rumos do boxe

Responsável por trazer o UFC para o Brasil pela primeira vez – aquela famosa luta entre Vitor Belfort e Wanderlei Silva, o ex-campeão mundial de fullcontact tem nas mãos a chance de mudar de vez os rumos da nobre arte no País com a realização do Boxing For You, evento que reunirá três medalhistas olímpicos em 31 de março, no Portobello Resort & Safári, em Mangaratiba (RJ).

Colocar Esquiva Falcão e Robson Conceição para lutar no mesmo dia com a benção da poderosa Top Rank é o menor dos desafios dessa empreitada.

Munido de uma equipe multidisciplinar, Sérgio Batarelli espera transformar o Boxing For You em uma marca de referência no esporte brasileiro, assim como UFC que ele implantou no Brasil em 1998.

O local escolhido para o evento – um resort de alto padrão na Rio Santos – a grande procura por presença VIP e a transmissão de dois grupos de TV como Globo e Bandeirantes dão a dimensão do card.

”Se você faz uma marca forte, você cria um cartel de lutadores forte! Foi assim que o UFC se consolidou. É isso também que estamos fazendo, junto com a Top Rank, para consolidar Esquiva Falcão e Robson Conceição como ídolos nacionais”, disse Sérgio Batarelli.

”Depois que o filho nasceu bonito, todo mundo quer ser pai…o UFC foi a sementinha que plantei 20 anos atrás, ganhou seu auge e hoje não é mais aquele, mas todo mundo sabe o que é”.

O evento ganhou mais importância anos depois, quando os lutadores citados já haviam se tornado ícones e com transmissão de suas lutas na TV Globo. O UFC, segundo ele, era para o público hardcore do MMA, aquele que assistia os combates via VHS! Virou grife e tem seu próprio casting.

”Começar com um evento novo é mais fácil do que mudar o boxe, que ficou marcado por promotores inescrupulosos. Com o Boxing For You vamos mudar os parâmetros da modalidade, da qualidade das lutas, formas de ativação, retorno de mídia e até relação com ingressos”, completou Batarelli.

Com os medalhistas olímpicos Robson Conceição, Esquiva Falcão e Adriana Araújo, a divulgação do Boxing for You ganha em números, mas dobra em responsabilidade. A Top Rank, maior promotora de lutas do mundo, assina o evento ao lado de Sérgio Batarelli.

”Mesmo que eles não fossem profissionais, a atenção seria maior. As medalhas olímpicas ajudam muito. Para entregar um evento de qualidade para todos, a gente conta com uma equipe com especialistas em todos os setores. O público e os investidores querem vivenciar uma nova experiência e temos que entregar esse show”.

O agora manager e empresário se orgulha dos 49 anos dedicados às artes marciais.

Seu início foi no Kung Fu, no chamado estilo do leão. Das brigas de rua, invasão de academia e outras confusões ele só carrega as cicatrizes e histórias que não serão repetidas por seus filhos, principalmente o caçula Phillip, de 9 anos.

Porém, as histórias de sucesso na campanha para o título mundial de fullcontact, a formação de lutadores de renome, o IVC, o UFC no Brasil e a popularidade do Pride no Japão irão virar livro e até mesmo série para aplicativos de streaming.

Sem papas na língua, Sérgio Batarelli disse que o UFC já não tem tanta força assim e que o boxe voltou a ser a bola da vez! Criador criticando a criatura? Pois é, mas na época de Maguila e Popó, somados aos nocautes impressionantes de Tyson, o boxe estava na boca do povo.

”O Brasil precisa de ídolos e leva o vencedor no mais alto patamar. Foi assim com Guga, Ayrton Senna, agora é com o Medina no surfe. Sem dúvida, o Boxing For You somado aos futuros cinturões de Esquiva e Robson, vão colocar esses já consagrados medalhistas olímpicos como grande personagens do esporte brasileiro”. ”Nós vamos colocar um defesa de cinturão deles no Brasil pra encher arenas”.

O boxe atinge cifras astronômicas para alguns expoentes. A luta entre Floyd Mayweather e Conor McGregor passou dos US$ 700 milhões incluindo bolsa, produtos licenciados, payperview e muito mais. Floyd acumula patrimônio de quase US$ 1 bilhão.

O mexicano Saúl Canelo Álvarez, da mesma categoria da Esquiva Falcão (médios) é dono do maior contrato de um esportista em todos os tempos. Ele vai receber US$ 365 milhões por cinco anos com a empresa DAZN a Netflix do esporte. Neste período, o campeão vai fazer 11 lutas.

As cifras do Boxing For You, de acordo com Batarelli, não podem ser reveladas! Faz parte do jogo esconder a grana envolvida, mas hoje Esquiva e Robson são os atletas da modalidade mais bem pagos do Brasil certamente.

O boxe também revive seu passado em grande estilo, basta ver a Rede Globo de Televisão dividindo em quatro partes iguais pra virar série o filme que conta a vida de Eder Jofre, o nosso maior campeão do boxe.