Coronavac tem eficácia de 78% contra a Covid-19 em estudo no Brasil

A CoronaVac, vacina desenvolvida pelo Instituto Butantan em parceira com a empresa chinesa Sinovac Biotech, teve uma eficácia comprovada de 78% contra a Covid-19 nos testes de fase 3 realizados no Brasil.

Os estudos clínicos da vacina encabeçada pelo governo de João Doria (PSDB) estão sendo apresentados à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) em reunião nesta quinta-feira (7) com membros do Butantan, que pedirão o registro emergencial do imunizante.

Os dados foram revisados na Áustria pelo Comitê Internacional Independente, que acompanha os ensaios realizados em São Paulo e em outros estados do país.

Após três adiamentos do anúncio da eficácia da CoronaVac, o Butantan prometeu anunciar nesta quinta o grau de efetividade da vacina na prevenção da Covid-19 e convocou uma entrevista coletiva para as 12h45 na sede do instituto.