Ibiúna anuncia que terá mais 20 leitos para atendimento de COVID-19

O prefeito Paulinho Sasaki (PTB) anunciou nesta terça-feira, 23, que serão criados mais vinte novos leitos exclusivos para casos de COVID-19 no Hospital Municipal de Ibiúna. A nova ala contempla ainda a instalação de um aparelho de raio-x novo e a contratação de 28 profissionais de saúde.

O prefeito ainda editou um decreto determinando que médicos do Centro de Saúde passem a dar suporte ao atendimento no Hospital Municipal.

“Graças a Deus e ao empenho da nossa equipe, reativamos a usina de oxigênio no nosso hospital, que estava sem funcionar há vários anos e agora está sendo fundamental para salvarmos vidas, uma vez que diversas cidades já estão com muitas dificuldades para aquisição de oxigênio. Gostaria muito de agradecer todos os médicos, enfermeiros e demais profissionais do nosso hospital que estão se empenhando muito para cuidar dos nossos pacientes”, enfatizou o prefeito.

Ele acrescentou que está fazendo de tudo para salvar vidas e, ao mesmo tempo, amenizar os impactos das medidas de isolamento na economia local. “Autorizamos que os comerciantes façam o Drive-Thru com a vaga em frente ao comércio, para que assim possam atender sem comprometer a segurança. Porém, precisamos do apoio de todos para que cada um faça sua parte e a gente possa sair dessa o quanto antes”, explicou.

Atualmente o Hospital Municipal está com 23 pessoas internadas na ala da COVID-19, sendo que cinco delas se encontram entubadas. Apesar do número recorde, existem mais 13 leitos disponíveis, o que nos deixa em uma situação menos grave que outras cidades da região, onde já não existem mais vagas, tanto nos hospitais públicos, quanto privados.

Até esta terça-feira (23/03) Ibiúna havia registrado 1.413 casos positivos e 76 óbitos por Covid-19, desde o início da pandemia. Apesar de preocupante, o número é menor do que cidades da região.

Barreiras sanitárias

Ibiúna terá barreira sanitária a partir dessa quinta-feira (25)

Com o intuito de diminuir a circulação do vírus no município e diante do anúncio do Feriadão Prolongado em São Paulo, o Prefeito Paulinho Sasaki (PTB) determinou a instalação de barreira sanitária na principal entrada da cidade, a partir dessa quinta-feira (25).

A barreira, também, acontece na sexta-feira (26), durante todo o dia. No local, haverá aferição de temperatura e orientação para todas as pessoas que estiverem ingressando na cidade.

“O intuito da barreira é inibir as pessoas da Grande São Paulo de virem para Ibiúna durante esse Feriadão Prolongado. Os turistas são sempre bem-vindos, mas o momento é de resguardo, sendo que a orientação é que todos fiquem em casa, para que assim possamos diminuir a circulação do vírus, preservar a saúde e fazer com que tudo volte ao normal o quanto antes”, recomendou o Prefeito Paulinho Sasaki.

Fonte: assessoria de imprensa