Munícipes relatam falhas no serviço da Pediatria 24h, recém inaugurada em Vargem Grande

Nesta semana, dias 21 e 22 de outubro, a munícipe de Vargem Grande Paulista, Adriana Moura, relatou nas redes sociais a demora e a falta de informações no serviço de Pediatria 24h, inaugurado recentemente na cidade. De acordo com ela, ao dar entrada para atendimento no PA Infantil com o seu filho teve que aguardar cerca de duas horas e meia e relatou que havia apenas um médico fazendo o atendimento para adultos e crianças no local.

“Só tinha o ‘pediatra’ atendendo a todos (crianças e adultos), e após muita reclamação nossa, chegou uma médica para atender os adultos. Se não tem estrutura ainda, não faz propaganda enganosa não que fica feio”, disse Moura. A munícipe filmou, na ocasião, adultos entrando e saindo do consultório infantil.

Outras mães também relataram dificuldades no atendimento. “Precisei levar minhas filhas e chego lá, a médica sem experiência alguma. Perguntei sobre os pediatras 24 horas e a enfermeira me respondeu que é clínico. Propaganda enganosa então”, disse Eliane Silva. Thais Cristina Dionisio contou que no domingo foi levar o filho e também não tinha pediatra. “A porta estava o tempo todo fechada. Perguntei pro segurança e ele me disse que o pediatra não estava atendendo”, contou.

Questionada sobre tais problemas a Prefeitura de Vargem Grande Paulista, por meio da Secretaria de Saúde, informou que o plantão funciona diariamente com quatro médicos, sendo um pediatra e três da especialidade clínico geral. “Quando um desses profissionais sai para almoço, ou vai ao toalete ou acompanhar uma remoção, automaticamente um médico cobre o outro, prática essa que é permitida. O que certamente ocorreu foi isso, pois todos os dias o PA está com os quatro médicos presentes atendendo, inclusive o pediatra”, informou.

Marcelle Parente