Nota de falecimento: Aloísio Pezzotta

Por: Simone Judica

Faleceu, na tarde desta quinta-feira (29), na Santa Casa de Misericórdia de São Roque, Aloísio Pezzotta, aos 79 anos de idade, em decorrência de complicações decorrentes de Mal de Parkinson.

Aloísio foi casado com Liliana Franceschi Pezzotta, já falecida, e deixa os filhos Ricardo e Adriana, casada com Adílson Ribeiro da Cruz, além dos netos Thiago e Felipe e dos irmãos José, Antônio Luiz, Regina, Sílvia e Marinalva, já falecida.

Toda a vida profissional de Aloísio foi dedicada à área farmacêutica, em que ingressou aos 14 anos de idade e permaneceu até 2011, quando se aposentou, ao encerrar as atividades da Farmanova, instalada na galeria Manfredi, na Av. João Pessoa.

Antes de se estabelecer na galeria Manfredi, a Farmanova funcionou por muitos anos na Galeria Pontes, também na Av. João Pessoa.

Por várias décadas Aloísio serviu a população de São Roque com dedicação e gentileza, sendo muito estimado pela vasta clientela que conquistou e transformou em amigos. Em tempos em que o acesso aos serviços de saúde era elitizado, os farmacêuticos eram tidos como homens sábios, procurados para diagnósticos e conselhos, considerados pessoas de confiança das famílias.

Aloísio desempenhou com maestria esse papel e muitas vidas, certamente, foram salvas por seus conhecimentos e sua dedicação à farmácia, exercida como um sacerdócio.

O velório será nesta sexta-feira (30), das 10h00 às 13h00, no Velório Municipal de São Roque, seguido do sepultamento no Cemitério da Paz.
A família de Aloísio Pezzotta registra que, em respeito às determinações das autoridades sanitárias e para fazer valer a prudência que sempre norteou o comportamento de seu ente querido nos cuidados com a saúde de todos, compreenderá e aceitará a ausência dos familiares e amigos ao velório e ao sepultamento.