Plano SP: Região de Sorocaba mantém fase laranja, mas alerta para explosão de casos de COVID; confira o boletim de São Roque

O governo de São Paulo manteve a região de Sorocaba na segunda fase do plano São Paulo, para a flexibilização do comércio, mas alertou que a situação na região de Sorocaba e Campinas preocupa. O anúncio foi feito na coletiva de imprensa da terceira fase do Plano SP realizada hoje (19), na capital paulista.


De acordo com o coordenador do Centro de Contingência ao Coronavirus, Carlos Carvalho, alertou para o aumento no número de internações.”A situação dessas cidades [Sorocaba e Campinas] desses municípios, que estão dentro de uma região de saúde, pela média, estão ainda no laranja, mas esses dois municípios estão numa situação que aponta para a possibilidade de um grande número de casos para o sistema específico daquele município. A regional pode estar com uma média adequada, mas estes municípios estão entrando numa zona mais perigosa”, afirmou.

Na coletiva, foi anunciado que dois Departamentos Regionais de Saúde, Marília e Registro, foram rebaixados para a fase 1, vermelha, onde podem funcionar apenas os serviços essenciais. Apesar de manter inalterada a classificação da região de Sorocaba, o governo recomendou que a prefeita Jaqueline Coutinho coloque a cidade de volta à fase 1, vermelha.

Índice de leitos disponíveis


Dados divulgados pelo governo ainda durante a coletiva também mostram o índice de leitos disponíveis para os pacientes com coronavírus em cada cidade.
Na imagem, a região de Sorocaba aparece como a terceira pior do estado no índice por 100 mil habitantes, com 7,7 leitos. O número só fica à frente das regiões de Franca e Presidente Prudente.

Boletim de São Roque

BALANÇO DE ONTEM PARA HOJE (19):
4 resultados POSITIVOS:

  • Mulheres de 69 e 72 anos
  • Adolescente/Menina de 12 anos
  • Homem de 72 anos
    15 INTERNAÇÕES (9 em enfermaria e 6 em UTI).