Polícia Civil impede realização de festa com 1500 pessoas

whatsapp-image-2021-03-06-at-06.53.50.jpeg
Foto: Dope – dss (c)

Nesta sexta-feira, 5, a Polícia Civil de São Paulo impediu a realização de uma balada que teria a participação de 1500 pessoas, na capital paulista. O setor de inteligência da corporação conseguiu interceptar mensagens e impedir o evento.

O governador João Doria parabenizou a polícia através do Twitter: “Parabéns ao setor de inteligência da Polícia Civil que impediu a realização de uma festa para 1.500 pessoas na Capital de SP. Inacreditável que em meio a tantas mortes, há quem busque lucrar com a promoção de eventos que colocam em risco a vida da população” – disse.

Segundo informações da própria polícia, ao perceberem a ação policial, todas as pessoas presentes deixaram o local, abandonando diversos itens: frascos, papelotes, drágeas, que indicam ser substâncias proibidas. Foram apreendidas 650 porções de entorpecentes e oito máquinas de crédito/débito, que podem auxiliar na continuidade das investigações.

Ao todo, doze pessoas, além do organizador da festa, foram encaminhados à 1ª Delegacia de Polícia da Divisão de Investigações sobre Infrações contra a Saúde Pública (DPPC), onde foi lavrado o Termo Circunstanciado de Infração de medida sanitária preventiva