Cassação do prefeito de Alumínio é aprovada, mas liminar ainda o mantém no cargo

Os vereadores da Câmara de Alumínio aprovaram nesta quarta-feira, 15 a cassação do prefeito de Alumínio, Antonio Piassentini (Bimbão) por irregularidades na contração de empresas para o transporte municipal.

Foram aprovados três dos cinco itens apresentados na denúncia. Essas denúncias foram aceitas por sete dos nove vereadores. Eram necessários seis votos para a cassação em qualquer um dois pontos.

Entretanto, Bimbão prossegue no cargo por força de uma liminar concedida pelo Tribunal de Justiça. Agora a votação do mérito da liminar é aguardada. Se for mantida, Bimbão segue no cumprimento do mandato, caso contrário valerá a decisão da Câmara e imediata posse do vice-prefeito. (Com informações do Portal Vander Luiz)