Prefeito Guto Issa dá detalhes sobre a redução da tarifa e o transporte coletivo municipal

Na manhã desta sexta-feira, 12, o prefeito Guto Issa transmitiu, ao vivo, uma entrevista coletiva dando os detalhes do novo contrato para o transporte coletivo na cidade de São Roque. Além da redução tarifária, fixada em R$ 3,00 (para recarga do cartão), ele explicou sobre a integração, novas linhas e horários e créditos no cartão, além de outras dúvidas.

Tarifa

O valor da passagem ficou definido em R$ 3,50 para pagamento em dinheiro e R$ 3,00 para o carregamento do cartão municipal de transporte público.

Créditos no cartão

Uma das principais dúvidas da população era sobre os créditos já adquiridos no cartão da antiga empresa, a Mirage. A nova empresa, Jundiá, vai assumir todos os créditos já comprados pelo cidadão. A troca do cartão será realizada imediatamente no terminal.

Idosos e Pessoas com Deficiência

A troca do cartão para idosos e pessoas com deficiência NÃO SERÁ NO TERMINAL. Para evitar aglomerações, estes usuários podem procurar dois locais distintos: Idosos vão se dirigir à Uni São Roque (antiga FAC) e Pessoas com Deficiência farão a troca do cartão no Departamento de Bem-Estar Social, na Prefeitura.

Até o dia 20 de fevereiro, não será necessária a troca e idosos poderão utilizar o serviço de transporte público de forma gratuita sem apresentação do cartão.

Integração e linhas

O tempo de integração foi aumentado em até duas horas dependendo da linhas, mas contemplando mais tempo do que era ofertado anteriormente. O número de ônibus em circulação sobe de 16 para 22 ônibus (sendo 20 em operação e dois reservas). Os horários e linhas ainda estão sendo definidos.

Empregos

A empresa Jundiá vai manter os motoristas contratados pela Mirage, mas os cobradores serão alocados como “agentes de bordo” e vão auxiliar na operação do serviço, não mais trabalhando na antiga função. A responsabilidade pela arrecadação da tarifa será, a partir de agora, do motorista.

Contrato

O contrato com a empresa tem valor aproximado de até R$ 7 milhões por 180 dias. Mas o subsídio será auditado e avaliado mensalmente e será descontada a arrecadação com das tarifas, ou seja, do valor mensal máximo (cerca de R$ 1,2 milhão) será descontado um percentual conforme o número de passageiros transportados. Quanto mais passageiros, menos a Prefeitura vai desembolsar.

Mais informações

“É o início de uma revolução no transporte público de São Roque. Os pedidos de muitos moradores que não eram ouvidos agora foram considerados e atendidos nesse novo plano de mobilidade urbana”, disse Guto Issa.

A empresa empregará cerca de 80 pessoas. A preferência de contratação é dos atuais funcionários da Mirage, o que incluí motoristas e cobradores. No novo sistema, entretanto, a cobrança manual da tarifa será feita pelos próprios motoristas. Os antigos cobradores passam a exercer a função de agentes de bordo, que vão ajudar na organização dos trabalhos e orientação de passageiros.

Os itinerários e horários atualizados, bem como os detalhes para integração, estarão disponíveis no sábado, dia 13 de fevereiro.

O telefone de contato para dúvidas e informações sobre a Jundiá Transportes é 11-9-9317-2481.