Prefeitura diz que Organização Social abandonou prestação de serviços no Hospital Municipal de Ibiúna

O atendimento no Hospital Municipal de Ibiúna foi interrompido, entre o fim da tarde e início da noite de segunda-feira (13). Segundo informações da Prefeitura de Ibiúna, a Organização Social “Mãos Amigas”, abandonou a prestação de serviços, fato que gerou grande transtorno aos munícipes.

“Cabe destacar que a mencionada Organização Social não tem ficado sem receber por parte da Administração Municipal, o que aumenta a estranheza e indignação diante da postura adotada por seus responsáveis. Por conta disso, a Prefeitura deverá tomar medidas judiciais cabíveis em relação ao ocorrido”, informaram em nota.

Durante o período em que o Hospital ficou sem médicos, foi emitido alerta regional de forma que alguns pacientes foram levados a cidades como Piedade e Cotia, onde receberam atendimento.

Ainda na noite de segunda-feira (13), o município conseguiu três médicos para voltar a atender a população.

Na data de hoje, terça-feira (14), o Hospital funciona normalmente, com médicos plantonistas prestando atendimento.

Não conseguimos contato com a Organização Social “Mãos Amigas” para mais esclarecimentos.