Prefeitura já realiza estudos para implantar Zona Azul em Mairinque e comerciantes comemoram

Projeto de Lei foi aprovado em junho e comerciantes comemoram a chegada do sistema, que dará mais conforto ao consumidor

A Câmara Municipal de Mairinque aprovou no dia 26 de junho de 2018, o Projeto de Lei nº 3614/2018, elaborado pela Prefeitura, que autoriza a criação do estacionamento rotativo (Zona Azul) nas áreas comerciais e corredores de serviço da cidade. Com a aprovação, o município favorecerá a democratização do espaço público, além de beneficiar o comércio local e seus prestadores de serviço.

A Prefeitura, através da Secretaria de Obras, iniciou os estudos nas ruas centrais e principais corredores de serviço há alguns meses, após muitas reivindicações da Associação Comercial e comerciantes locais, para mapear os lugares que devem receber o estacionamento rotativo.

Estudos estão sendo feitos em ruas que têm uma concentração maior de comércios em diferentes períodos, inclusive em horários diferentes. Após o estudo, uma comissão irá apresentar o mapeamento, para apresentar o projeto e discutir eventuais mudanças.
O sistema de Zona Azul será regulamentado por Decreto do Executivo, que determinará os locais de estacionamento, os valores da tarifa, demarcação das vias e logradouros públicos, bem como outros assuntos relativos à regulamentação e operacionalização do sistema.

Serão reservados 5% do valor das multas de trânsito para serem aplicados na conta do Fundo de Âmbito Nacional, destinado à segurança e educação de trânsito. O período obrigatório para o pagamento será das 9h às 17h, de segunda à sexta feira, e das 9h às 13h aos sábados, com o período máximo de duas horas para permanência do veículo nas vagas destinadas à Zona Azul, de forma improrrogável; também será obrigatório o fracionamento do horário em pelo menos 30 minutos. Para as pessoas deficientes e com dificuldades de locomoção, será destinada a reserva de 2% das vagas da Zona Azul, devendo estar próximas aos acessos estratégicos de circulação de pedestres.

Esperança para o comércio

Para os donos de lojas no centro de Mairinque, a implantação do sistema de Zona Azul vai ajudar nas vendas, pois é muito difícil encontrar uma vaga para estacionar. “As ruas ficam lotadas o dia inteiro, tem pessoas que chegam de manhã e deixam o carro o dia todo estacionado na frente das lojas, assim fica complicado para o cliente comprar”, desabafa uma vendedora.
De acordo com alguns comerciantes, outro problema que acarreta na falta de vagas para estacionar, é o grande número de táxis que utilizam locais que poderiam ser usadas pelo comércio. “Neste quarteirão tem mais de 20 carros de táxis e carretos, são dezenas de vagas a menos para os clientes estacionarem. A prefeitura deveria remanejar os pontos destes profissionais para desafogar o centro da cidade”, cobra um comerciante.

Na cidade vizinha, São Roque, usuários relatam que antes do estacionamento rotativo era praticamente impossível achar vagas em certos locais porque muitos veículos ficavam o dia todo estacionados na mesma vaga. Por essa prática não ser permitida no rotativo, isso ameniza a falta de vagas no local e gera um conforto no motorista por saber que a probabilidade de ele encontrar vagas disponíveis é grande.

A Prefeitura de Mairinque informou por meio de nota, que “no momento está sendo realizado um estudo sobre locais e sinalização adequado para iniciar o processo licitatório”.