Como evitar o surgimento da herpes? Saiba quais alimentos ajudam no combate à infecção

Não são todos os portadores do Herpes que passam pala experiência de amanhecer com feridas nos lábios ou na boca. Os surtos podem ser causados por uma repentina baixa de imunidade, resfriados e gripes fortes que colaboram para esse quadro.

A família de vírus que compreende o herpes contém mais de 70 variedades, sendo os mais comuns o HSV-1 e o HSV-2. Segundo o portal estrangeiro Draxe.com, o HSV-1 é a variedade que aparece ao redor e dentro da boca.

Já o HSV-2 é conhecida como o herpes genital. De acordo com o Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC), esta é a principal causa de ulceras genitais no mundo. A estimativa é que um a três adultos são portadores e não sabem.

COMO EVITAR O SURGIMENTO DO HERPES?

Como o aparecimento das feridas é altamente relacionado à efetividade do sistema imunológico, a melhor forma de evita-las é turbinando a resposta imune do organismo.

Para isso, ingerir certos nutrientes torna-se essencial e pode prevenir as irritações e ajudam a deixar o vírus dormente o maior tempo possível.

O portal Draxe.com preparou uma lista do que procurar para manter o sistema imunológico sempre em alerta e evitar o herpes de aparecer.

  • Comidas ricas em L-lisina – este aminoácido essencial para prevenir a replicação do vírus. Leguminosas, peru, peixes e vegetais são as principais fontes.
  • Vegetais laranjas e vermelhos – eles contêm carotenoides, bioflavonoides e vitamina C, essenciais para curar a pele em volta das feridas e fortalecer a imunidade.
  • Peixe selvagem – peixes fornecem uma grande quantidade de ômega-3, gordura de ótima qualidade e que ajuda a reparar tecidos danificados e combater a inflamação.
  • Proteínas magras – o corpo não pode se recuperar sem quantidades adequadas de proteína. As melhores englobam os peixes, aves e gado criados soltos.
  • Zinco – é necessário para várias reações que ajudam a recuperar a pele e também ajuda o corpo a se proteger contra infecções e vírus. Alimentos ricos em zinco são carnes de órgãos como o fígado, nozes, espinafre, sementes de abóbora e gado criado a pasto.