COVID-19 em São Roque está à beira do colapso

O sistema de saúde do município de São Roque destinado ao atendimento de casos de covid-19 está próximo do colapso. A cidade registra recorde negativo, com ocupação de 88,23% dos leitos de UTI e 93,1% nos leitos de enfermaria, na noite desta quarta-feira (9/6). A recomendação das autoridades sanitárias é que os protocolos de prevenção sejam seguidos com rigor.

Principal atendimento via SUS da cidade, o Hospital Santa Casa tem 100% de ocupação dos 10 leitos de UTI disponíveis para pacientes com covid-19 e 91,6% de ocupação nas vagas de enfermaria, 22 ocupados das 24 disponíveis neste momento. O hospital ainda ampliou o número de vagas na enfermaria de 15 para 24 devido à alta de pacientes com covid-19.

Contratado pela Prefeitura para ampliar a capacidade de atendimento, o Hospital São Francisco também vive dias de angustia com superlotação do atendimento. Dos 7 leitos de UTI disponíveis, cinco estão preenchidos, registro de 71,42% de ocupação, enquanto as 5 vagas de atendimento na enfermaria estão com 100% de ocupação.

+ São Roque volta com sistema drive-thru para bares e restaurantes

Esse é o pior momento da pandemia no município de São Roque. A curva de internações notificações de casos positivos para covid-19 cresceu substancialmente nos últimos 30 dias e segue tendência de crescimento.

Dado importante é que os registros de notificações e internações mostram que a maioria dos atendidos são moradores do município, ao contrário do que ocorria há cerca de um mês, quando a maioria dos atendidos representava pessoas de outras cidades. Além disso, os principais afetados pelo vírus são cada vez mais jovens.

A recomendação das autoridades sanitárias é que as regras de prevenção sejam seguidas com rigor. Evite aglomerações, use a máscara, higienize sempre as mãos com álcool em gel ou sabão e, se puder, fique em casa.

Fonte: Assessoria de Imprensa