Viver a vida no piloto automático é não estar presente para viver

É incrível que precisamos de uma parada mundial para perceber que a respiração é isso, vida! Uma dança cósmica que une todas as consciências oriundas da sua única Fonte, mesmo que não se tenha consciência disto.

Tínhamos esquecido de que respirar é encher os pulmões com o éter de Deus para viver.

Entramos em um processo de auto destruição, porque esquecemos do nosso poder de criar, presos que estamos a uma tela de ilusão de um mundo que o homem inventou distanciado da memória de Deus.

Eu não sei você, mas felizmente eu, como trabalho em casa, estou conseguindo cumprir rigorosamente este período de quarentena. Eu não saí nenhum dia, pois meu marido é quem foi ao supermercado nas duas vezes que precisamos.

E estou aqui pensando como tudo está estranho, ou melhor dizendo, diferente.

Na rua notei um aumento de circulação de motos. Devem ser os atendimentos de Delivery. Crianças pequenas brincando nas calçadas, talvez sem terem alterado suas rotinas, mas que agora se tornam visíveis porque o movimento, em geral, diminuiu.

Terminaram também as apresentações feitas por DJ profissionais ou amadores nas sacadas dos prédios – a exemplo do que ocorreu na Itália – na tentativa de tornar este período dentro de casa, uma experiência mais feliz.

Sim, o mundo está diferente!

Sinto que quando a pandemia se tornar um fato passado, as pessoas serão outras. Vão dar mais importância à sua saúde mental, à sua saúde familiar e espiritual. Pelo menos, é isso que eu espero.

Sinto que agora chegou. Chegou a hora de resgatar a consciência da Fonte que nos criou!

Fazer valer aquele sorriso de gratidão pela vida, embalados pela dança dos batimentos de um coração cuja missão é nos fazer viver para lembrar definitivamente que somos feitos de Amor.

Mas enquanto isso não acontece eu continuo fazendo o trabalho que escolhi (ou que me escolheu) para cumprir minha missão e me sentir uma pessoa feliz com o que realizo.

É importante agora perceber o quanto somos abençoados por uma natureza viva que nos retribui com um ar mais limpo para respirar e um céu mais azul para nos acalentar.

Aceitemos então a nossa grandeza e a nossa infinita capacidade de amar uns aos outros sem julgamento, compreendendo que cada um de nós, que está no tempo, depende de apenas um instante de lucidez para despertar. Mas ele só pode acontecer com todos nós, juntos, vibrando e respirando no compasso do Amor.

Estamos conectados com a Fonte da Vida e é por isso que temos vida!

Por isso, respire! Ame-se e envolva-se no manto da paz do nosso Criador.

Faça Seu Céu Brilhar

Seja a LUZ que ilumina o caminho da sua MISSÃO

Contato:

Maria D’Arienzo – Astróloga

WhatsApp: (13) 99740-2082

Instagram:          @mariadarienzo.astrologia