AgroNotícias por Mauricio Picazo Galhardo | O Democrata

ECONOMIA VERDE

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) participou do lançamento do Programa Nacional de Crescimento Verde, coordenado pelos ministérios do Meio Ambiente e da Economia. No evento, a ministra destacou as ações realizadas pelo Mapa para que o agronegócio seja protagonista do desenvolvimento de uma economia verde no Brasil.

SUSTENTABILIDADE

Foram lançados, no âmbito do Programa Nacional de Levantamento e Interpretação de Solos do Brasil (PronaSolos), os novos mapas de estoque de carbono orgânico dos solos brasileiros. O material é uma importante ferramenta para subsidiar políticas públicas relacionadas às mudanças climáticas e à diminuição da emissão dos Gases de Efeito Estufa (GEEs), com gestão eficiente dos recursos naturais.

CRESCIMENTO

O agronegócio paulista cresceu 13,1% de janeiro a setembro de 2021 em relação ao mesmo período do ano passado. Segundo informações do Instituto de Economia Agrícola (IEA-APTA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, o agro estadual apresentou aumento de 12,4% nas exportações, alcançando US$ 14,36 bilhões, e crescimento de 9,9% nas importações, totalizando US$ 3,34 bilhões. 

RISCO

A Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) do Senado Federal realizou o segundo debate sobre o risco da falta de insumos para o plantio da safra 2021/2022. Os parlamentares e convidados lembraram da necessidade do país se tornar autossuficiente e da importância de colocar em prática o Plano Nacional de Fertilizantes. De acordo com o senador Zequinha Marinho (PSC-PA), “Um país com a agricultura e pecuária com a envergadura que temos não pode ficar nessa dependência. Devemos atingir a autossuficiência”, afirmou.

DEBATES

A falta de insumos para o plantio da safra 2021/2022, o aumento do custo de produção e o embargo chinês à carne brasileira, que já dura sete semanas, foram os principais temas de debate, em reunião-almoço da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA). O presidente da bancada, deputado Sérgio Souza (MDB-PR), entende que o setor tem sido taxado como culpado por fazer chegar o alimento mais caro na mesa do brasileiro, mas, segundo ele, não é verdade. 

HOMENAGEM

A ministra da Agricultura, Tereza Cristina, foi agraciada, com o Prêmio Mérito Agropecuário deputado Homero Pereira, na Câmara dos Deputados. A honraria é um reconhecimento da Comissão de Agricultura (CAPADR) concedido a pessoas e instituições que se destacaram pelo trabalho em benefício da agropecuária no Brasil. Tereza Cristina foi premiada como “Personalidade do Agronegócio 2021” e afirmou que a agricultura brasileira é sustentável.

UNIÃO EUROPÉIA

A diretora de Relações Internacionais da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), Lígia Dutra, participou, em Copenhague, (UE) do seminário “Contribuições do Brasil e da Dinamarca para o desafio de fornecer alimentos sustentáveis”. O evento reuniu representantes dos setores do governo, parlamentares e do setor produtivo dos dois países para estreitar o diálogo em torno de propostas para a sustentabilidade na produção agrícola.

CANAL RURAL

Em entrevista recente ao canal Planeta Campo – que integra a plataforma Canal Rural e tem foco em sustentabilidade -, o vice-presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de São Paulo (FAESP), Tirso Meirelles, elogiou a medida: “O CEP Rural foi um trabalho muito importante realizado por nosso presidente, doutor Fabio Meirelles, com a secretaria da Agricultura, na pessoa do secretário Rodrigo Garcia, e com apoio do governador João Dória Jr. 

EMBRAPA TRIGO

A Embrapa Trigo foi criada em 28 de outubro de 1974, em Passo Fundo, RS. Nestes 47 anos, as pesquisas voltadas à intensificação do uso da terra e à sustentabilidade da produção de cereais de inverno fizeram a história da agropecuária na Região Sul, avançando para novas fronteiras agrícolas. A criação da Embrapa Trigo na década de 1970 revolucionou a paisagem rural na Região Sul, com a gradual substituição dos campos de pecuária extensiva, em solos ácidos e cobertos por capim “barba de bode”, pelas lavouras de grãos e cultivo de pastagens para suprir a pecuária.

Com informações de assessorias – Edição: Mauricio Picazo Galhardo, jornalista – e-mail: mauricio.picazo.galhardo@gmail.com

Jornal O Democrata São Roque

Fundado em 1º de Maio de 1917

odemocrata@odemocrata.com.br
11 4712-2034
Rua Marechal Deodoro da Fonseca, 04
Centro - São Roque - SP
CEP 18130-070
Copyright 2021 - O Democrata - Todos os direitos reservados