AgroNotícias por Mauricio Picazo Galhardo

AGRIFUTURA. Cerca de 2,5 mil pessoas compareceram à primeira edição do AgriFutura, evento inédito com soluções tecnológicas e inovadoras voltadas ao agronegócio, que ocorreu nos dias 3 e 4 de março no Instituto Biológico, na capital paulista. Estudantes, produtores rurais e profissionais da área conferiram de perto o que há de mais moderno com a presença de start-ups apresentando novidades, dos órgãos da Secretaria de Agricultura e Abastecimento (SAA) do Estado de São Paulo expondo os resultados de pesquisas desenvolvidas, além de palestras com especialistas sobre diversos temas relacionados à inovação.

SEMINÁRIO. O Instituto de Economia Agrícola (IEA) realizou a palestra: “Proposta para a Estimativa do PIB do Agronegócio Paulista”, ministrada por Vagner Bessa, mestre em geografia e gerente da Área de Indicadores Econômicos da Fundação Seade, e Regiane Lenardon, economista, também ligada à Fundação Seade. O evento faz parte do Ciclo de Seminários IEA com participação gratuita.

PREÇOS. O índice dos preços recebidos pelos produtores paulistas (IqPR) registrou alta de 0,44% em janeiro de 2018, na comparação com dezembro de 2017. Os produtos que apresentaram as maiores altas nas cotações do mês foram: feijão (24,89%), tomate para mesa (10,52%), milho (8,07%), algodão (6,23%) e amendoim (4,44%), informa o Instituto de Economia Agrícola (IEA), da Secretaria de Agricultura e Abastecimento.

URUPÊS. Os produtores rurais de Urupês (Região de São José do Rio Preto) terão à disposição um atendimento com mais conforto na Casa da Agricultura, que foi reformada e entregue à população pelo secretário de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo, Arnaldo Jardim, e o prefeito do município, Alcemir Cássio Gréggio “Bica”, quinta-feira, dia (8). Ao reinaugurar o espaço, que atende cerca de 30 produtores por semana, o secretário destacou a qualidade da obra executada, que incluiu pintura das áreas externa e interna, troca de piso, ferragens e instalações elétricas, impermeabilização de telhas e instalação de rampa na entrada, para garantir condições de acessibilidade.

MANDIOCA. Mandiocultores consultados pelo Cepea estão mais ativos na comercialização da raiz na maioria das regiões acompanhadas. O maior interesse está relacionado à necessidade de liberação de áreas arrendadas e de aproveitar os patamares ainda atrativos de preços para se capitalizar e realizar o plantio da safra 2018/19. Os trabalhos de campo, por sua vez, têm sido favorecidos pelas melhores condições climáticas. Pela sexta semana consecutiva, os preços médios da mandioca continuaram em queda.

MILHO. As cotações do milho continuam em alta no Brasil e no mercado externo. Segundo pesquisadores do Cepea, a restrição vendedora e as incertezas quanto à segunda safra nacional e à produção argentina impulsionam os preços de novos negócios. As elevações são observadas apesar do período de colheita da temporada de verão e dos bons volumes ainda em estoque. Entre 2 e 9 de março, o Indicador do milho ESALQ/BM&FBovespa (Campinas – SP) subiu expressivos 3,4%, fechando a R$ 41,42/saca de 60 kg na quinta-feira, 8, o maior patamar nominal desde 30 de setembro de 2016.

ALFACES. Na semana (05 a 09/03), continuaram ocorrendo sobras de alfaces de todas as variedades acompanhadas pelo Hortifruti/Cepea nos boxes da Ceagesp. O clima favorável para a boa produção das folhosas nas roças está contribuindo para manter a oferta elevada nas roças, o que reflete em maior entrada de folhosas na Ceagesp. As boas condições para cultivo também resultaram em uma melhor qualidade das alfaces comercializadas. Por esses motivos, os preços da crespa e da lisa caíram e ambas foram cotadas por R$ 11,03/cx com 24 unidades, queda de 4,55% frente à semana anterior. Já a crespa e lisa hidropônicas se desvalorizaram 8,87% e saíram por R$ 13,00/cx com 24 unidades.

(Texto(s): CATI, Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de S.Paulo, Mapa, Cepea/Esalq, HFBrasil)
Veja o quadrinho semanal em, www.agro-cartoons.blogspot.com.br,Email: mauricio.picazo.galhardo@hotmail.com.