O ex-companheiro acusado de matar a governanta em Alumínio é condenado a 20 anos de prisão | Policial

No dia 28 de julho de 2020, a polícia militar foi acionada para atender uma ocorrência de briga, no Vale Grande, próximo ao bairro Cristal em Alumínio por volta das 21h. Chegando ao local, uma chácara, a equipe foi informada de que havia uma vítima dentro do imóvel e encontrou, no quarto, o corpo de Adriana Lourenço Martins Santucci, de 49 anos. A vítima estava ao lado da cama com perfurações a faca no peito, no braço, na perna e no abdômen. A arma usada também foi encontrada na cena do crime.

Sérgio Paulo Marreira era considerado suspeito e foi encontrado no dia 20 de gosto de 2020 em Foz do Iguaçu, no Paraná. Segundo informações do G1, o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP) confirmou na última nesta sexta-feira, 6, que o ex-companheiro da vítima foi condenado a 20 anos de prisão em julgamento realizado na quinta-feira, dia 5 de maio de 2022.

Do G1

Jornal O Democrata São Roque

Fundado em 1º de Maio de 1917

odemocrata@odemocrata.com.br
11 4712-2034
Rua Marechal Deodoro da Fonseca, 04
Centro - São Roque - SP
CEP 18130-070
Copyright 2021 - O Democrata - Todos os direitos reservados