População coloca “Mesas Solidárias” nas calçadas para arrecadar e distribuir mantimentos a quem precisa

As “Mesas Solidárias” estão se tornando uma ação cada vez mais comum, como uma forma de arrecadar doações e vem ajudando pessoas que deixaram de ganhar dinheiro e estão passando por necessidades por causa da pandemia no novo coronavírus. Nestas mesas há alimentos, produtos de higiene e limpeza disponíveis de graça para quem estiver precisando.

Diversas cidades do país estão conseguindo a mobilização de sua população para ajudar os mais necessitados. O formato de arrecadação também é bem simples: uma mesa para organizar as doações dispostas, com os interessados colocando suas contribuições no local e os necessitados podendo pegar o que precisam. As mesas ainda têm cartazes com os dizeres: “Quem tem põe! Quem não tem tira! Pegue o que precisar!”

Em São Roque há uma mesa rua Newton Prado nº 76, bairro da Estação. A moradora relatou nas redes sociais que a Mesa Solidária tem sido a grande vivência pessoal da quarentena. “Hoje já ouvi três histórias de pessoas que tinham emprego e salário que diante da pandemia não tem mais nada e nem pra onde correr. Correram…pra nossa mesa e com os olhos marejados levaram as doações. Obrigada a todos e, por favor, continuem doando. Na cidade são várias mesas espalhadas agora e isso faz a diferença na vida de alguém”, disse Aletea Prestes.

Em Alumínio, a Clinica Sit Terapia está organizando essa iniciativa em frente ao seu prédio, na Rua José Cerione 369, de segunda, quarta e sexta das 13h às 18h.