Prefeitura realiza vacinação de 2ª dose contra a COVID-19 neste sábado | O Democrata
Mais de 8 mil pessoas ainda não tomaram sua segunda vacinação

A Prefeitura de São Roque realiza neste sábado, 4 de dezembro, no Recanto da Cascata, das 8h às 15h, a aplicação da segunda dose contra a COVID-19. A ação busca atender as mais de 8 mil pessoas que já estão aptas a tomar a 2ª dose da AstraZeneca, Coronavac ou Pfizer, mas que não voltaram aos pontos de vacinação da cidade para completarem sua imunização.

A ação é exclusiva para aplicação da 2ª dose e todos devem apresentar um documento original com foto, CPF e a carteirinha de vacinação da 1ª imunização.

Confira quem pode tomar a segunda dose:

• Coronavac: intervalo de 21 dias entre as doses
• AstraZeneca: intervalo de 56 dias entre as doses
• Pfizer (maiores de 18 anos): intervalo de 21 dias entre as doses
• Pfizer (12-17 anos): intervalo de 56 dias entre as doses

A 2ª dose da vacina contra a covid-19 é tão importante quanto a primeira, independente da marca aplicada, pois ela aumenta e prolongar a proteção contra o coronavírus. Quando uma pessoa toma a primeira dose, o imunizante pede ao nosso sistema de defesa que comece a produzir anticorpos, mas apenas esta aplicação não é suficiente. Por isso precisamos da nova dose, que faz com que a produção de anticorpos seja melhor e nos deixe imune por mais tempo, tornando a eficácia da vacina maior, melhor e mais duradoura.

“A vacinação é a forma mais efetiva de proteger a população contra a COVID-19, mas ela só é verdadeiramente efetiva quando tomamos a 2ª dose. Deste modo, pedimos a todos que ainda não realizaram sua segunda imunização, que venham ao Recanto da Cascata. Quanto mais pessoas estiverem com sua vacinação em dia, mais perto estaremos de vencer o coronavírus”, afirmou o Diretor de Saúde de São Roque, Dr. Luis Carlos Redda.

Intervalo para dose de reforço em SP cai para 4 meses

O governador João Doria anunciou hoje que o intervalo para a dose de reforço da vacina contra COVID-19 em São Paulo será de 4 meses, e não mais 5, como estava sendo adotado.

A medida é válida para os imunizados com as duas doses da Coronavac, AstraZeneca ou Pfizer.

“Decidimos reduzir de 5 para 4 meses o intervalo da dose adicional de vacina. SP é porta de entrada do Brasil e o país infelizmente não exige esquema vacinal completo dos viajantes. A medida é válida para quem já tomou as duas doses da Coronavac, Astrazeneca ou Pfizer”, anunciou.

Na capital, a antecipação já passa a valer a partir de hoje. As diretrizes estão publicadas em um informativo publicado no site da prefeitura. Diante da indisponibilidade de doses da Janssen, a dose adicional aplicada para vacinados com esse imunizante será a Pfizer.

Vale ressaltar que na cidade de São Paulo, desde 30 de novembro, comprovantes de residência não são mais exigidos para vacinação.

Jornal O Democrata São Roque

Fundado em 1º de Maio de 1917

odemocrata@odemocrata.com.br
11 4712-2034
Rua Marechal Deodoro da Fonseca, 04
Centro - São Roque - SP
CEP 18130-070
Copyright 2021 - O Democrata - Todos os direitos reservados