São Roque vacina com Pfizer nesta quinta-feira

A partir desta quarta-feira, 13 de outubro, todos os munícipes que buscaram ou buscarem a 1ª dose contra a COVID-19, seja nos postos de saúde dos bairros ou no Recanto da Cascata, deixarão o local com a data exata em que tomarão a 2ª dose. A medida é possível graças a regularização do envio de doses a cidade e busca também estimular a volta da população para a 2ª vacinação.

“Não pudemos implementar esta medida anteriormente pois não tínhamos um cronograma exato de quando as vacinas seriam enviadas ao município. Com a regularização dos envios de imunizantes, conseguimos estabelecer dias para cada marca de vacina, como tem sido feito nas últimas semanas, e assim, podemos agendar a data em que o munícipe poderá ir aos postos ou ao recanto para receber a segunda dose”, afirmou Verônica Domingues, Chefe da Vigilância Epidemiológica de São Roque.

A medida não altera a aplicação de segundas doses que já estavam sendo aplicadas na cidade e os mesmos lotes continuam disponíveis para a nova imunização, seguindo o cronograma já informado pela administração são-roquense.

Quinta de 1ª e 2ª dose

Nesta quinta-feira, 14 de outubro, será aplicada a 2ª dose da Pfizer para todos que já receberam a 1ª dose há pelo menos dois meses. A ação acontece nos Posto de Saúde e Recanto da Cascata (para pedestres), das 8h às 12h, e além de todos os lotes já anunciados haverá uma nova série disponível (a FE3591).

Confira todos os lotes que estarão disponíveis para a segunda imunização no dia.

• Pfizer: EY0579, EY0574, FE2083, EY0586, FA9095, FA9096, FD7221, FD7219 e FF2591

No mesmo dia, os postos dos bairros e o Recanto da Cascata, aplicarão também a 1ª dose para os jovens de 12 a 17 anos, e o Centro de Saúde II, na Avenida John Kennedy, irá vacinar grávidas e puérperas com a 1ª e 2ª dose, das 8h às11h.

Todos devem apresentar um documento original com foto, CPF e comprovante de residência no nome do vacinado. Jovens que não tenham documento original com foto podem apresentar a certidão de nascimento junto aos demais documentos do responsável. Caso um adulto não possa acompanhá-lo, ele deve levar um termo de consentimento que está disponível abaixo (arquivos vinculados), nos postos de saúde e no Prédio da Vigilância em Saúde (ao lado da Praça da República). Quem busca a 2ª imunização deve levar um documento original com foto e a carteirinha de vacinação.

Comprovante de vacinação

Seguindo o decreto municipal, a partir deste dia 13 de outubro, a entrada de pessoas em espaços públicos e privados pertencentes ao setor de eventos como shows, congressos, e casas noturnas, só será permitida com à apresentação do comprovante de vacinação. Além da carteirinha física, o munícipe pode apresentar a versão digital do documento, que pode ser obtida através do aplicativo do Poupatempo, disponível para plataformas IOS e Android.

Caso o munícipe tenha problemas para acessar o documento digital ele poderá procurar a Vigilância Epidemiológica, localizado ao lado da Praça da República.

Lembrando que exigência do comprovante de vacinação, não se aplica para a entrada em comércios e restaurantes, por exemplo. Locais como o Roteiro do Vinho, Shopping Catarina e comércio.

Fonte: Assessoria de Imprensa