Secretaria de Saúde confirma 1º caso de varíola dos macacos em São Roque | O Democrata

A Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo informou, nesta quarta-feira 3, os registros de casos de varíola dos macacos e, pela primeira vez, a cidade de São Roque apareceu na lista de casos confirmados da doença. O Departamento Regional de Saúde também registrou o primeiro caso da doença em Piedade, depois que o paciente diagnosticado inicialmente em Sorocaba (que agora tem três confirmações) foi transferido para o município origem. Também houve casos em Jundiaí, Cabreúva e Várzea Paulista, com um caso cada.

O Departamento de Saúde de São Roque informa que o paciente contraiu a enfermidade fora da cidade e, neste momento, encontra-se com quadro estável, em isolamento domiciliar e sendo monitorado pela Vigilância Epidemiológica Municipal, assim como seus contatos diretos.

A nota enviada pela prefeitura diz ainda que agentes de saúde da cidade, da rede pública e de hospitais particulares, se reuniram recentemente para um treinamento sobre o Monkeypox, com o objetivo de esclarecer dúvidas e alinhar práticas clínicas para o monitoramento, acolhimento e tratamento da doença, alinhadas as orientações definidas pela Secretaria Estadual de Saúde e Ministério da Saúde.

A transmissão ocorre entre pessoas e o atual surto tem prevalência de transmissão de contato íntimo e sexual. É importante salientar que o vírus não tem relação ou transmissão vinda de macacos para seres humanos.

O Brasil tem 1.474 casos confirmados de varíola dos macacos, segundo boletim divulgado nesta terça-feira (2) pelo Ministério da Saúde. A doença está presente em 17 estados brasileiros, além do DF (Distrito Federal).

Até o momento, uma morte foi registrada no país, na sexta-feira (29). O paciente, de Uberlândia, no Triângulo Mineiro, tinha comorbidades e estava em tratamento de quimioterapia.

No último dia 22, a OMS (Organização Mundial da Saúde) declarou a situação da varíola dos macacos como emergência pública internacional. Atualmente, há 23.247 casos confirmados da doença, de acordo com o Our World in Data . Na terça-feira (26), o órgão emitiu um alerta sobre a situação da varíola dos macacos no Brasil, e afirmou que o cenário no país é “preocupante”.

As principais medidas para prevenir a varíola dos macacos são fazer a higiene frequente das mãos com água e sabão ou álcool 70%; evitar contato com pessoas que tenham suspeita da doença; não compartilhar objetos; e reduzir o número de parceiros sexuais. As recomendações foram divulgadas no último sábado (29), em nota assinada pela SBI (Sociedade Brasileira de Infecologia) e pela SBU (Sociedade Brasileira de Urologia). As organizações destacam que, em caso de sintomas ou lesões na pele, o paciente deve se manter em isolamento até a exclusão do diagnóstico ou o completo desaparecimento das lesões.

Jornal O Democrata São Roque

Fundado em 1º de Maio de 1917

odemocrata@odemocrata.com.br
11 4712-2034
Rua Marechal Deodoro da Fonseca, 04
Centro - São Roque - SP
CEP 18130-070
Copyright 2021 - O Democrata - Todos os direitos reservados