Seja promovido de empregado a empresário em 2018 com o Networking

Burocracias, riscos, investimentos, expectativa. Ser dono do próprio negócio parece ser muito complexo no papel. Uma afirmação que muitas vezes desanima os que estão pensando em mudar de vida, saindo da posição de empregado para empresário. Mas colocar em prática um sonho, um projeto, um desafio, requer uma única característica: determinação.

E foi assim que o jovem empresário Diogo Barbosa, hoje com 33 anos, deixou seu antigo emprego apostando tudo no sonho de empreender. “Meu pai tem um barbearia muito tradicional, eu sempre fui muito acomodado com a situação, decidi sair e caminhar com as próprias pernas, e depois de 14 anos resolvi enfrentar as dificuldades e fui trabalhar em outro salão. Mas no fundo sempre quis ter meu próprio negócio, então fui além, colocando em prática ensinamentos que fizeram a diferença”.

Iniciativa, coragem para iniciar, seguir em frente e fazer o que tem que ser feito. Foi assim que nasceu a barbearia do Diogo, que conquistou seu espaço no mercado em São Roque, no interior de São Paulo. “Durante o treinamento profissional e pessoal que ministrei à equipe do antigo emprego de Diogo, percebi que ele estava focado e com as características essenciais para dar um passo maior: perseverança, ação, atitude mental positiva, diferenciais e também investindo em networking de qualidade para conquistar resultados”, conta Roque Gonçalves, Mentor em Networking, que acompanhou toda a evolução de Diogo após um treinamento de 12 semanas.

O setor de serviços lidera o ranking dos mais procurados por quem decidiu empreender em 2017. Foram 1.545.360 novas empresas instaladas no País entre nos oito primeiros meses, de acordo com o Indicador Serasa Experian de Nascimentos de Empresas. Das 207.950 novas empresas surgidas em agosto de 2017, 132.728 eram de serviços, 63,8% do total.

De olho nesse mercado e nas infinitas possibilidades de sucesso, o jovem empresário deu os primeiros passos para aumentar esse índice. “Foram 3 meses de treinamento e tive uma evolução fantástica, mas como digo, tudo depende de mim só tive um empurrão. Um caminho que estava guardado dentro de mim se abriu, minha vida, minhas escolhas. Dia 6/12 do ano passado eu estava realizando um sonho, ter o próprio negócio”, comemora Diogo.

Networking para o sucesso

A maneira como se relaciona com seu cliente vai determinar a compra e recompra do seu produto ou serviço. Hoje para criar a fidelização de um cliente é necessário não só ter um produto ou serviço bom. É necessário criar uma experiência diferenciada. “O networking é fundamental para se quer abrir um novo negócio. É necessário para abrir caminhos e criar oportunidades. Por meio dele você gera os primeiros clientes do seu negócio, assim como o próprio boca a boca que é realizado pelos seus amigos e contatos”, aconselha Roque Gonçalves.

Se você está pensando em passar de empregado a empresário, assim como o Diogo, organize-se: um objetivo claro, pesquisar a necessidade do público, estudar cases de sucesso, fazer networking com pessoas chaves, entrar em ação. Planejamento é fundamental para saber os passos que serão dados, pois vai ajudar a dividir as metas e dimensionar os resultados a médio e longo prazo segundo Roque.
“Sei que ainda tenho muito pela frente, estamos em constante evolução, todos os dias temos que dar um passo a mais, e orientação é tudo”, finaliza Diogo.

Roque Gonçalves é palestrante e treinador, especialista em Networking. Formado em Liderança, Inteligência Interpessoal e Comunicação Eficaz pelo Grupo Master Mind; Professional Coaching Practitioner pela Abracoaching, possui experiência de mais de 5 anos em Network Marketing, ministrando treinamentos e palestras motivacionais para o mais diversos grupos de pessoas.