TJSP instala Centro de Solução de Conflitos em Mairinque

O Tribunal de Justiça de São Paulo promove, nesta sexta-feira (25), às 16 horas, a solenidade virtual de instalação do primeiro Centro Judiciário de Solução de Conflitos e Cidadania (Cejusc) da Comarca de Mairinque. A unidade é fruto de parceria com a Prefeitura local e soma-se aos outros 241 Cejuscs em todo o Estado. O evento, que contará com a presença de magistrados e representantes locais, será transmitido ao vivo pelo link http://www.nucleomedia.com.br/get_webcast.asp?id=49895

O objetivo é litígios por meio da conciliação e da mediação, oferecendo atendimento às demandas Cível, Direito do Consumidor, cobranças e outros assuntos.

“A composição amigável reduz o impacto financeiro, o desgaste emocional que um processo acarreta e traz a paz social, que muitas vezes não é alcançada por uma determinação judicial”, afirmou a juíza coordenadora do Cejusc, Carla Carlini Catuzzo. “Assim, fico muito feliz com o benefício aos munícipes, honrada com esse novo mister e espero que toda a população local seja beneficiada.” 

A unidade funcionará no prédio do fórum, na Av. Dr. Gaspar Ricardo Júnior, nº 185, Centro. O objetivo é auxiliar a população local a solucionar seus litígios por meio da conciliação e da mediação, oferecendo atendimento às demandas das áreas Cível, Direito do Consumidor, cobranças e outros assuntos.  

Além de dar celeridade às causas, a atuação dos Centros Judiciários de Solução de Conflitos e Cidadania desafoga os meios tradicionais da Justiça. Não há limite de valor da causa. Conciliadores ou mediadores auxiliam os envolvidos a buscar uma solução para o problema, sob a supervisão do juiz coordenador. Se houver acordo, ele é homologado pelo magistrado e tem a validade de uma decisão judicial.