Vagas de emprego temporárias ainda estão abertas em São Roque

Com a proximidade das festas de fim de ano, o comércio de São Roque vivencia boas expectativas para as vendas. Alguns fatores econômicos e sociais estão ajudando a moldar o cenário do mercado neste período. Com a proximidade dos festejos, a população começa a contar com o dinheiro extra e um desses pontos é o recebimento do 13° salário. Com isso, o são-roquense já começa a planejar qual a melhor forma de gastar esse dinheiro e, assim, injetar na cidade uma boa movimentação financeira.

Para Fernanda Aguiar, que é gerente de uma pequena perfumaria, o foco é facilitar a vida do cliente e oferecer opções que simplifiquem a busca pelos presentes. “As pessoas querem agradar e, ao mesmo tempo, ganhar praticidade no dia a dia. Por isso, apostamos em sugestões de kits nessa época do ano, que funcionam muito bem para quem quer acertar no presente e ainda comprar tudo de forma mais rápida”, detalha Fernanda.

Sobre o mercado de trabalho, em São Roque, o comércio é responsável por quase metade das vagas abertas de primeiro emprego nos últimos cinco anos, segundo estudo inédito da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de São Paulo (FecomercioSP), em parceria com o Sindicato do Comércio Varejista de São Roque e Região. Segundo os responsáveis pelo Posto de Atendimento ao Trabalhador – PAT São Roque ainda há vagas de emprego temporárias para aqueles que queiram se colocar no mercado de trabalho ainda em 2017. O PAT funciona de segunda a sexta-feira das 8h30 às 16h com distribuição de senha de atendimento até às 14h. Informações: 4784-2998. Rua Rui Barbosa, 693 – entrada de cima da Brasital.

Empregos

As vagas temporárias para o fim do ano, principalmente no comércio, podem representar para muitos uma possibilidade de contratação definitiva ou uma renda extra para os gastos de dezembro e janeiro.

As empresas estão buscando cada vez mais diversidade. Hoje existem vários perfis de consumidores e é muito importante os varejistas terem esses profissionais desses segmentos trabalhando em determinados pontos de vendas.

De 2013 a 2017, dos 5.756 admitidos que estavam em busca da primeira contratação formal na cidade, 48,6% foram empregados pelo varejo.

A estudante Evelyn de César já passou por essa seleção e foi até a agência para assinar o contrato de três meses. Ela vai trabalhar em uma loja de roupas e começa na próxima semana. “Se fosse para começar agora, eu toparia. Com certeza”, disse a estudante.

A previsão é que só no estado de São Paulo, mais de 70 mil trabalhadores temporários sejam contratados neste fim de ano. O comércio deve contratar mais gente, em seguida vem a indústria e o setor de serviços. Esse número é 5% maior do que o registrado no mesmo período de 2016.

A previsão é que este ano, as contratações voltem a subir pela primeira vez em quatro anos. A Confederação Nacional do Comércio estima que 30% dos trabalhadores contratados temporariamente sejam efetivados depois do período de festas.

A vendedora Karina Oliveira que o diga. Há um ano ela passou de temporária a efetiva em uma loja de vestuários e calçados. “O diferencial, acredito que seja a vontade de ficar na empresa, se destacar, trabalhar direitinho e se esforçar bastante, porque serviço é o que não falta”, disse a vendedora.

Horário estendido

Neste mês de dezembro o comércio de São Roque funcionará em horário diferenciado, sendo que algumas lojas ficarão abertas até às 22h. A Associação Comercial de São Roque funcionará em horários especiais. Dias de semana das 8h às 20h e finais de semana 8h às 18h. Especificamente domingo, dia 17, das 10h às 16h.