Alckmin libera celular em escolas estaduais para fins pedagógicos

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), sancionou nesta segunda-feira (6) a lei que permite o uso de celulares nas salas de aula da rede estadual, segundo informou o SP2. A norma só permite o uso do aparelho com supervisão.

Com a mudança, os aparelhos poderão ser usados nas escolas só para fins pedagógicos. Falta, no entanto, que escolas tenham a infraestrutura necessária.

O governo promete instalar o sistema de wi-fi e banda larga em todas as 5 mil escolas estaduais até outubro do ano que vem. A expectativa é que sejam instaladas em 500 escolas por mês.

A gestora escolar Tania Fontolan acha que a escola não pode se desconectar do mundo digital, mas que o desafio para isso dar certo é grande.

“A tarefa do professor na verdade é ficar instigando, é ficar desafiando e ficar chamando pra quilo que é o foco da atividade. Mas, com 40 numa sala, nem sempre você consegue monitorar todos simultaneamente.

O professor de química Luiz Rossetti já passou pela experiência de trabalhar com o celular em aula e diz que é preciso fazer a “construção desse uso”. “Eles [alunos] queriam tirar foto toda hora da lousa, dos slides, das aulas que eu preparava. E aí nós fomos criando acordos, ir tirando, usando para estudar em casa, fazendo vídeo das aulas de laboratório, das experiências. Então foi construído isso, é uma construção esse uso do celular.”