Hospital São Francisco disse que apropriação dos equipamentos é indevida

O Hospital São Francisco foi alvo de uma ação da Prefeitura de São Roque na tarde deste sábado, 28, quando os aparelhos destinados a atender os leitos de UTI do recém inaugurado hospital foram levados pelo órgão público.

Em entrevista coletiva nesta tarde, o ministro Luiz Henrique Mandetta criticou este tipo de ação citando um caso de Cotia que já foi refutado pela Justiça.

Em nota, o hospital disse:

“A equipe do Hospital São Francisco, Unidade São Roque, comunica a população de São Roque e região que está consternada com a atitude da prefeitura.

Na tarde de hoje, 28/03/2020 tivemos nossa unidade invadida pela Guarda Municipal e representantes do Departamento de Saúde do Município.

Fizeram apropriação indevida dos equipamentos e insumos médicos que seriam utilizados durante o atendimento dos nossos pacientes.

A unidade tinha previsão de inauguração de Pronto Atendimento de Urgência e Emergência 24 horas a partir do dia 01/04/2020.

Observamos que nossos equipamentos de UTI e Centro Cirúrgico, insumos e móveis hospitalares foram transportados de forma inadequada.

Lembramos que sempre buscamos diálogo com o poder público a fim de prestar atendimento a toda a população durante a pandemia do Covid19”.

Entenda o caso aqui