São Roque mantém medidas de combate ao coronavírus durante final de semana

Ônibus de turismo é parado em blitz

O prefeito de São Roque, Guto Issa, se pronunciou nesta sexta-feira, 26 de março, sobre as medidas restritivas de combate ao coronavírus que têm sido adotadas na cidade. Guto destacou o trabalho dos profissionais da Saúde na vacinação contra a Covid-19 e na assistência aos pacientes. Também reforçou que as ações mais recentes da Prefeitura de combate à pandemia continuam neste final de semana.

“Meu reconhecimento e gratidão aos esforços de todos os profissionais, que têm lutado junto conosco para combater este vírus que traz tanto sofrimento. Navegamos em águas revoltas, mas se Deus quiser nossa cidade vai superar essa crise e voltará a ser feliz”, afirmou o prefeito.

Todas as medidas adotadas pela Prefeitura no último final de semana, dias 20 e 21 de março, continuam em vigor neste sábado e domingo. Além disso, serão implantadas novas ações que buscam conter ainda mais as aglomerações, reduzir a circulação das pessoas e, assim, conter o avanço da pandemia na cidade.

Até o dia 4 de abril, restaurantes e lanchonetes não poderão utilizar o sistema drive-thru para atender seus clientes, serviço que deve ser feito unicamente através de entregas convencionais (delivery).

O drive-thru poderá ser utilizado pelos demais comércios, desde que o serviço não cause congestionamento na via pública e que o cliente não deixe o automóvel na hora de pagar ou retirar seu produto.

Assim como no final de semana passado, supermercados, mercados, padarias, restaurantes, lojas de ração e comércios em geral estarão fechados para o atendimento presencial, mas continuam prestando serviços de acordo com as regras descritas anteriormente.

Os supermercados voltam a abrir suas portas a partir do dia 29 de março, porém com regras mais rígidas de monitoramento de clientes, com atendimento restrito a uma pessoa por família e sendo proibida a entrada de menores de 12 anos.

Poderão permanecer abertos durante este final de semana estabelecimentos de assistência à saúde (incluídos os serviços médicos e hospitalares), clínicas veterinárias, postos de combustível (lojas de conveniência fechadas), farmácias e lojas de equipamentos médico-hospitalares, transporte coletivo e de passageiros (ônibus, taxi, transporte por aplicativo), serviços funerários, serviços relacionados à imprensa, assistência social, atividades de segurança pública e privada, atividades industriais e borracharias.

Apesar das mudanças, o transporte municipal permanece funcionando normalmente, sem alterações nos horários já praticados.

Fiscalização reforçada e multas

A força-tarefa formada pela Polícia Militar, Guarda Civil Municipal, Fiscalização e Vigilância Sanitária continua a atuar na cidade para inibir aglomerações. A ação conta com a ajuda da população, que pode utilizar o número 4712-2633 para denunciar eventos clandestinos e outras infrações que não respeitem as normas municipais de combate ao coronavírus.

A fiscalização atuará de forma constante para inibir festas e outros eventos, que são realizados de forma irresponsável neste momento de pandemia, punindo seus organizadores com multas de R$ 5 mil. A medida vale também para quem alugar sua propriedade para as confraternizações. Caso a festividade tenha finalidade comercial, como venda de ingressões ou comercialização de bebidas, a multa para o organizador será de R$ 15 mil.

Fonte: assessoria de imprensa